Fonte afirma que justiça rejeitou o pedido da Proview de suspender as vendas do iPad

XANGAI - Uma corte de Xangai rejeitou o pedido de uma companhia chinesa de tecnologia para que a Apple suspendesse a venda do tablet iPad na cidade, disse nesta quinta-feira uma fonte com conhecimento direto do assunto.

Leia mais:
Proview quer R$ 3,4 bilhões da Apple pelo uso da marca iPad
Empresa chinesa quer suspensão de vendas do iPad em Xangai

Empresa Proview alega ser a dona do nome iPad na China
Getty Images
Empresa Proview alega ser a dona do nome iPad na China
A empresa Proview Technology (Shenzhen) tem buscado uma liminar contra a Apple como parte de sua batalha com a gigante norte-americana sobre a marca registrada iPad na China.

A corte de Pudong decidiu a favor da Apple após uma audiência na quarta-feira, segundo a fonte, confirmando relatos do site do jornal local Xinmin Evening News.

(Por Samuel Shen e Jason Subler)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.