Tamanho do texto

Mudanças simples nas configurações dos sistemas podem ajudar a aumentar o tempo de duração da bateria em smartphones Android e iOS

Brasil Econômico

Reduzir o tempo de bloqueio da tela e desligar bluetooth são algumas das dicas para fazer a bateria render
Thinkstock/BBC
Reduzir o tempo de bloqueio da tela e desligar bluetooth são algumas das dicas para fazer a bateria render

A cada novo lançamento, os smartphones adquirem baterias mais potentes. O objetivo é oferecer mais tempo de autonomia para os aparelhos e evitar que o usuário precise carregar o smartphone durante o dia. Alguns modelos chegam a oferecer acessórios que aumentam a potência da bateria original . Para fazer seu celular permanecer ligado por mais tempo, separamos algumas dicas simples que ajudam a economizar bateria sem precisar instalar nenhum aplicativo no aparelho.

Brilho automático da tela

Apesar de ser uma alteração simples, deixar a tela com menos brilho tem um grande impacto para economizar bateria . O ideal é reduzir a luminosidade para o menor nível que ainda oferece uma leitura cômoda da tela. Para reduzir a claridade da tela no Android, acesse o menu de "Configurações" e selecione o item "Tela".

Em seguida, abra a opção "Nível de brilho" e escolha a quantidade desejada. Alguns celulares oferecem ainda a opção de brilho adaptável, que se ajusta de acordo com a luz disponível no local. No iOS, as definições podem ser alteradas na área de "Ajustes". A tela oferece a possibilidade de alterar a luminosidade e habilitar o brilho automático.

Tempo de bloqueio de tela

Além de ter pouco brilho, a tela deve permanecer ligada somente em momentos importantes para ajudar a economizar a bateria. Em muitas situações, o usuário não está utilizando o celular, mas o display continua mantendo um consumo desnecessário. Por isso, é importante lembrar que quanto menos tempo o aparelho levar para escurecer a tela, maior a economia.

LEIA MAIS: Apple lança novos emojis por maior diversidade de gêneros e etnias no iOS 10

Para diminuir o tempo do bloqueio no Android , acesse a área de "Configurações" e abra o item "Tela". A opção "Modo de espera" oferece opções de 15 segundos a 30 minutos de inatividade para desligar o visor. No iPhone, a alteração é feita dentro do menu de "Ajustes". Selecione a opção "Geral" e abra a tela de "Bloqueio Automático", que tem opções de um a cinco minutos. A tela também oferece a opção de nunca bloquear a tela de forma automática. Nos dois casos, é importante encontrar o menor tempo possível sem interferir na experiência de uso do smartphone.

Wi-Fi, Bluetooth e GPS

O Wi-Fi e o Bluetooth são alguns dos principais responsáveis por acabar com a bateria dos celulares. É importante ter em mente que não há a necessidade de manter o Wi-Fi ligado quando não estiver conectado com nenhuma rede. No caso do Bluetooth, habilite-o apenas se o objetivo é transferir arquivos para um celular próximo. O mesmo vale para o GPS, que consome muito mesmo quando o usuário não utiliza a ferramenta.

Para economizar bateria, habilite o Wi-Fi somente quando for se conectar a uma rede
Getty Images
Para economizar bateria, habilite o Wi-Fi somente quando for se conectar a uma rede

No Android, as conexões e o GPS são desabilitados na bandeja de atalhos, que pode ser aberta arrastando o dedo para baixo a partir da barra superior. No iOS, o modo mais fácil de desativar o Wi-Fi e o Bluetooth é acessar a " Central de Controle ". Para abrir a janela, passe o dedo para cima a partir do canto inferior. O GPS pode ser desativado na área de "Ajustes". Abra a opção "Privacidade" e selecione o item "Serviços de Localização". Para desligar a ferramenta de localização , desligue o primeiro item da tela.

Aplicativos com mais consumo

Após fazer alterações em ferramentas do sistema, é hora de verificar se há algum aplicativo consumindo mais bateria que o desejado. Em geral, aplicativos de redes sociais, como Facebook e Twitter, e plataformas de streaming, como Spotify, são os que mais consomem por executarem muitos arquivos de mídia.

No Android, abra a área de "Configurações" e selecione o menu "Bateria". A tela exibirá o consumo de cada app desde a última carga. Alguns itens são nativos do sistema e não poderão ser removidos, mas outros são aplicativos instalados. No iOS, a análise pode ser feita em "Ajustes" e "Bateria". Os dois sistemas operacionais oferecem a opção de habilitar a economia da bateria.

LEIA MAIS: Se você não quer que o WhatsApp envie seus dados para o Facebook, precisa correr

As opções conseguem economizar bateria ao reduzir a verificação de e-mails e a atualização de apps em segundo plano. No Android, selecione o ícone com três pontos no canto superior direito da mesma tela e selecione a opção "Economia de bateria". O celular irá exibir uma nova tela, que permitirá habilitar o recurso. No iPhone, a ferramenta pode ser habilitada na mesma página, por meio do botão "Modo de Pouca Energia".