Aplicativo permite personalizar o celular com temas inspirados em programas de TV e filmes

NYT

Por David Segal

Algumas semanas atrás, troquei meu iPhone 4S por um HTC One, e hoje acho que a diferença entre os sistemas operacionais mais populares para smartphones – o iOS da Apple e o Android do Google – pode ser explicada com uma metáfora sobre decoração de interiores.

LEIA TAMBÉM:
Conheça aplicativos para poupar bateria de celulares Android

O iPhone é uma mansão projetada por especialistas com um bom gosto excepcional. Ela é muito bem definida e todos os quartos, a fiação e o encanamento trabalham juntos com perfeição. Porém, quando você se muda, só é possível realizar minúsculas alterações.

Os criadores do Android, e empresas como a HTC, que modificam esse sistema operacional de diferentes maneiras, não possuem as mesmas habilidades. No entanto, você pode alterar praticamente toda escolha estética que eles fizeram e reformar tudo ao seu gosto.

Gosta de “Breaking Bad”? Monte seu aparelho Android com imagens do programa, com ícones da tabela periódica, como na abertura da série. Fã de Scrabble, o jogo de palavras cruzadas? Seu telefone pode se parecer exatamente com um tabuleiro do jogo. Um celular Andoid é infinitamente personalizável, até o último pixel.

Veja alguns temas do Themer

O problema é que criar os visuais Android mais diferentes e inovadores é uma tarefa complexa, exigindo o domínio de um software que parece retirado da cápsula espacial russa em “Gravidade”. Confira os muitos tutoriais no YouTube, onde criadores de temas para Android oferecem instruções passo a passo para que você possa replicar sua obra. É algo tão confuso que fica difícil chegar até a parte realmente confusa.

Facilitando a personalização

Entretanto, um novo aplicativo, chamado Themer e desenvolvido pela MyColorScreen, iniciante de Irvine, na Califórnia, espera levar a personalização do Android para as massas. A ideia é remover os programas inescrutáveis e muitos retoques necessários para configurar uma tela inicial estilosa. Os usuários baixam o Themer, que é gratuito, e imediatamente possuem uma biblioteca de temas para smartphones, qualquer um dos quais pode ser instalado com um único clique.

Clique em “aplicar” e seu celular pode, por exemplo, ter o tema In a Row, com uma coluna de letras brancas contra um fundo negro, com fontes no estilo de um cardápio de restaurante da moda. Ou o Dashboard, um centro único de informações e controle. Há um tema “Grand Theft Auto”, um “Game of Thrones”, e até mesmo um que recria o visual do iOS 7, para o caso de você, por algum motivo, querer a cara do iPhone em seu aparelho Android.

Conheça quatro bons tocadores de vídeo para Android

A qualquer um que já experimentou a rota mais longa para instalar designs trabalhosos, o Themer parece um truque de mágica. Na verdade, o aplicativo consumiu cerca de 10 meses de pesquisa e programação de software por três sócios – dois do mundo de investimentos e um engenheiro elétrico – que estudaram o mercado do Android em busca de um nicho.

“Acessamos um site para desenvolvedores do Android e havia muita conversa sobre personalização, e como as opções que existem hoje são basicamente complicadas demais”, declarou Ashvin Dhingra, um dos sócios, que antes trabalhava no fundo multimercado Citadel. “Vimos que havia um grande mercado para personalização, mas era preciso ser simples”.

A empresa

Os sócios compraram o MyColorScreen.com, um site dedicado a temas para Android, de um empresário tailandês. Ele era, e continua sendo, uma galeria online para uma subcultura internacional de designers que desenvolvem e criam novos visuais para smartphones. O site possui mais de 50 mil temas, com nomes como GOONOW!, Leaves e 5mal (ei, essas pessoas são artistas, certo?). Alguns possuem uma aparência claramente futurista, como se fossem criados para robôs. Outros são desenvolvidos em torno de uma função, como ler o Reddit.

Os sócios têm acordos com alguns criadores de temas, para colocar seus designs no aplicativo; hoje há cerca de 90 designs disponíveis, com mais sendo acrescentados toda semana. O aplicativo pega todos os códigos complexos utilizados na fabricação de cada um dos temas e os traduz em uma instrução à prova de erros: pressione aqui.

5 aplicativos para melhorar fotos no Android

Dhingra e seus sócios pretendem ganhar dinheiro assinando contratos com empresas que desejam estar em sua tela inicial. Cada tema vem com uma série de pastas pré-instaladas e o Themer pode colocar a Amazon.com, por exemplo, em uma pasta de compras, ou o Evernote em uma de produtividade.

“Ou podemos ter uma empresa que deseja promover um filme ou conceito e construir todo um tema em torno daquilo”, disse Dhingra. “Vamos firmar parcerias com marcas onde isso faça sentido para nossos usuários e as marcas”.

Prevendo esses lucros, a MyColorScreen paga cerca de US$50 por tema aos criadores. Isso pode parecer uma ninharia, mas são US$50 a mais do que a maioria recebia no passado.

Temas variados

No uso diário, o Themer é como uma visita a uma loja de roupas onde você pode experimentar tudo o que quiser por alguns dias, e então trocar suas escolhas por outras opções. Eu usei o Colorlist, tema de um designer gráfico polonês que trabalha sob o nome GaRyArTs; o visual é formado por seis retângulos coloridos amontoados um sobre o outro. Pressionar cada retângulo abre uma função diferente – um para a câmera, um para o telefone e assim por diante. Há um grupo de ícones brancos na parte inferior, com links ao YouTube, Dropbox e outros programas usados com frequência.

O Colorlist tem um visual incrível, assim como vários outros temas que experimentei. Os downloads foram rápidos e tranquilos, e o Themer lhe permite selecionar, por exemplo, qual aplicativo de clima usar quando você pressiona o ícone de clima.

Veja 5 aplicativos para conversar e mandar mensagens de graça

Você também pode escolher que tipo de ícone usar com cada tema. Diferentemente do iPhone – aonde os ícones vêm em exatamente uma variedade –, há dezenas de pacotes de ícones diferentes disponíveis para venda (outros são gratuitos) na loja Play, criados por inúmeros artistas. Todos os gostos são atendidos. O pacote Getaway, de um dinamarquês conhecido como Black Bear Blanc, é uma homenagem aos filmes de perseguição de carros dos anos 70. A descrição do designer diz: “Ícones em amarelo claro, com arranhões, sobras de luz e manchas de café!”

Contudo, o Themer possui algumas limitações (sim, depois que você entra na febre, até mesmo um aplicativo totalmente voltado a personalização parece precisar de mais opções). A tela de bloqueio – a que você vê quando seu telefone liga – não pode ser configurada pelo Themer, pois o software não possui a capacidade de alterá-la. Por enquanto, o visual de sua tela de bloqueio não trará semelhanças ao resto do aparelho temático, o que é como instalar a frente de Ford Focus em um Jaguar. Fica um pouco estranho.

Não obstante, Dhingra diz que as próximas versões do Themer abordarão esse problema. O que significa que o aplicativo poderá oferecer uma ampla variedade de temas e a capacidade de alterar esses temas a qualquer especificação. Com isso, a abordagem da Apple – assim como a abordagem repetitiva da decoração de interiores – parecerá ainda mais monótona.

    Leia tudo sobre: aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.