Empresa pede indenização de R$ 2,1 bilhões por "cópia" de design e funcionalidades do iPhone e iPad

Galaxy Tab 10.1: vendas proibidas na Europa
Getty Images
Galaxy Tab 10.1: vendas proibidas na Europa
Depois de proibir a venda dos tablets e smartphones da Samsung na Austrália, Coreia do Sul e Europa , a Apple entrou com um novo processo contra a empresa no Japão. Como nas outras vezes, a empresa alega os produtos da Samsung infringem uma série de patentes do iPhone e iPad, como design e funcionalidades. O processo foi inscrito na corte distrital de Tóquio nesta quarta-feira (7).

Desde abril, a Apple e a Samsung estão em uma guerra de patentes em relação a seus tablets e smartphones. Os dispositivos da linha Galaxy da Samsung, todos com o sistema operacional Android, do Google, são os principais concorrentes dos produtos da Apple no mercado - no caso dos tablets, no entanto, a Apple ainda lidera o mercado com folga.

De acordo com a Apple, os produtos da Samsung "copiam" o design e funcionalidades dos iPhone e iPad. Por conta disso, a empresa pede no processo cerca de R$ 2,1 milhões (US$ 1,3 milhão) de indenização, bem como a proibição das vendas dos produtos. De acordo com a consultoria Strategy Analytics, entre janeiro e março, as vendas dos smartphones da Samsung superaram as do iPhone no Japão.

Por conta dos processos, a Samsung já adiou o lançamento dos tablets da linha Galaxy na Austrália e, na semana passada, a empresa foi obrigada a retirar seu lançamento, o tablet Galaxy Tab 7.7, de seu estante da IFA 2011 , uma das maiores feiras de eletrônicos da Europa.

*Com informações da Reuters.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.