Pressão de advogados da Apple motivou decisão da In Icons

A empresa chinesa In Icons, que há alguns dias começou a produzir um boneco de Steve Jobs , cancelou a produção do brinquedo. Um comunicado no site da empresa explica que a decisão foi tomada devido à grande pressão feita por advogados da Apple e da família de Jobs.

Boneco de Steve Jobs tem mãos e braços articulados, o que permite colocar uma miniatura do iPad em suas mãos
Reprodução
Boneco de Steve Jobs tem mãos e braços articulados, o que permite colocar uma miniatura do iPad em suas mãos

"Respeitamos direitos autorais e deixamos claro que não incluiríamos nenhum acessório em forma de iPhone ou iPad com o boneco. Além disso, não usamos nenhum tipo de marca relacionada à Apple no boneco. Infelizmente, recebemos muita pressão dos advogados da Apple e da família de Steve Jobs", diz o comunicado assinado por Tandy Cheung, dono da In Icons.

Cheung afirma que a ideia de criar o boneco partiu da admiração que ele sempre teve por Jobs. Ele disse ainda que a empresa se esforçou para deixar o brinquedo o mais parecido possível com o fundador da Apple. Alguns consumidores que já haviam feito reservas para comprar o boneco serão reembolsados, diz Cheung.

A In Icons não é a primeira empresa a ter a ideia de criar um boneco de Steve Jobs. Em 2010, a empresa M.I.C. Gadgets criou um brinquedo semelhante , mas também desistiu da venda após pressão da Apple.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.