Vai trocar de celular? Fique de olho no tamanho do chip

Por André Cardozo , iG São Paulo | - Atualizada às

Texto

Mini-SIM, Micro-SIM e Nano-SIM são os três padrões de chip de operadora atualmente no mercado

Wikimedia Commons/Bidouille82
Da esquerda para direita: chips Mini-SIM, Micro-SIM e Nano-SIM


Devido à rápida evolução do mercado de celulares e às promoções de operadoras, muitas pessoas acabam trocando de celular anualmente ou a cada dois anos. A alegria de comprar um celular novo, porém, pode virar tristeza ao se perceber que o chip da operadora não cabe no smartphone adquirido.

Isso ocorre porque há atualmente três padrões de chip de operadora: Mini-SIM (mais conhecido como SIM), Micro-SIM e Nano-SIM. Na migração do chip SIM para o Micro-SIM é até possível cortar o chip e fazê-lo caber no novo aparelho, mas esse processo é perigoso e pode danificar o chip. Por isso, quem compra um celular novo com padrão de chip diferente acaba tendo que solicitar um novo chip para sua operadora.

Para antecipar esse tipo de problema é útil saber o tipo de chip usado em celulares atualmente no mercado. Abaixo, o iG detalha os tipos de chip e mostra em quais aparelhos eles estão.

Mini-SIM (mais conhecido como SIM)

É o maior chip usado atualmente e está em todos os celulares básicos (feature phones) e também na maioria dos smartphones. O chip SIM está ainda em todos os celulares com dois ou mais chips. 

Entre os smartphones que usam chips SIM estão:

- iPhone 3G, 3GS

- Todos da linha LG Optimus L e L II, Optimus 4X HD

- Xperia E Dual, Xperia Go

- Galaxy Note, Gran Duos, S, S II, S III Mini, Ace, Ace 2, Y, Pocket Plus, Ch@t, Beam

- Motorola Razr D1, D3, Defy, Defy Mini, Milestone 3

- Todos da linha Nokia Asha

- Todos da linha Positivo Ypy

Micro-SIM

O Micro-SIM é o chip de tamanho intermediário. O iPhone 4 foi o primeiro aparelho a usar esse chip, que vem se tornando mais comum em smartphones intermediários e avançados. Entre os aparelhos que usam o chip Micro-SIM estão:

- iPhone 4 e 4S

- Todos da linha Nokia Lumia

- Galaxy Note II, S III, S4, Ativ S, Express

- Razr, Razr HD, Razr Maxx, Razr i 

- LG Optimus G, Optimus Vu, Nexus 4

- Sony Xperia P, Xperia L, Xperia ZQ

NanoSIM

É o menor chip atualmente no mercado e está atualmente nos seguintes aparelhos:

- iPhone 5, 5C e 5S
- Galaxy Note III

Veja também: celulares com dois chips à venda no Brasil

Galaxy Gran Duos tem tela de 5 polegadas e roda Android 4.1. Custa R$ 1,4 mil. Foto: Claudia Tozetto/iGRazr D3 é dual chip mais avançado da Motorola, com tela de 4 polegadas. Custa R$ 800. Foto: Stella DauerXperia E Dual é primeiro dual chip da Sony. Tem tela de 3,5 polegadas de roda Android 4.0. Custa R$ 550. Foto: ReproduçãoDefy Mini, da Motorola, tem tela de 3,2 polegadas, sistema Android 2.3 e custa R$ 400. Foto: Stella DauerOptimus L3 II tem tela de 3,2 polegadas e sistema Android 4.1. Custa R$ 450. Foto: Stella DauerRazr D1, da Motorola, roda Android 4.1, tem TV digital e custa R$ 550. Foto: DivulgaçãoYpy S350 é o smartphone básico da Positivo. Tem tela de 3,5 polegadas e roda Android 2.3. Custa R$ 350. Foto: DivulgaçãoOptimus L5 II é dual chip intermediário da LG. Roda Android 4.1 e custa R$ 700. Foto: DivulgaçãoGalaxy Ace Duos é dual chip intermediário da Samsung. Tem tela de 3,7 polegada e roda Android 2.3. Custa R$ 600. Foto: DivulgaçãoOptimus L7 II, da LG, vem com Android 4.1 e tela de 4,3 polegadas. Custa R$ 850. Foto: DivulgaçãoPositivo Ypy S400 tem tela de 4 polegadas e Android 4.0. Custa R$ 700. Foto: DivulgaçãoGalaxy Y é dual chip básico da Samsung, com Android 2.3 e tela de 3,1 polegadas. Custa R$ 400. Foto: Stella DauerAsha 305 é um dos aparelhos da Nokia com dois chips. Tem tela de 3 polegadas e custa R$ 300. Foto: ReproduçãoSmartphone Saturn, da Multilaser, roda Android 2.3 e tem tela de 2,8 polegadas. Custa R$ 250. Foto: Divulgação


Leia tudo sobre: smartphoneschips
Texto

notícias relacionadas