Internautas podem agendar e-mail de despedida ou mesmo informar senhas a parentes por e-mail agendado

Os internautas mais precavidos já têm alguns serviços online à disposição para ajudar a deixar um “testamento” sobre o que acontecerá com sua vida online após sua morte. Alguns serviços, como o aplicativo If I Die (Se eu morrer, em inglês), publicam uma mensagem no perfil do Facebook com as últimas palavras do usuário, após verificar que ele morreu. A mensagem pode, inclusive, ser composta por um vídeo de até cinco minutos e fica armazenada em segredo até a morte do usuário.

LEIA TAMBÉM:
O que acontece com o perfil na rede social após a morte?
Como cancelar o perfil de falecidos no Facebook e Twitter

De acordo com o site do serviço, que é gratuito, é preciso indicar três pessoas de confiança e pedir a elas que comuniquem sua morte ao site. Para evitar brincadeiras de amigos, o site envia alguns e-mails para a conta de e-mail do usuário do serviço. Se ele não responder às mensagens, o serviço deduz que ele está morto e publica a mensagem no Facebook. Confira os detalhes do serviço no vídeo abaixo (em inglês):

Outro serviço online que pode ajudar o internauta em caso de morte é o Legacy Locker (Guardião de legado, em inglês). Ele permite que o usuário armazene os nomes de usuário e senha de todos os sites que usa, inclusive redes sociais. Esses dados serão enviados a uma pessoa de confiança indicada no cadastro, caso o internauta venha a falecer. A versão grátis do serviço permite cadastrar os dados de acesso de três contas e uma mensagem para os familiares.

A versão paga do serviço, que é contratada por meio de um pagamento à vista (US$ 300) ou de uma assinatura (US$ 30 ao ano), permite também armazenar documentos importantes, fazer upload de vídeos com mensagens para amigos e parentes, enviadas apenas após a morte, e bloquear contas de e-mail. O site verifica se o cliente faleceu enviando e-mails para duas pessoas de confiança apontadas no cadastro.

O site Death Switch oferece um serviço similar. Ao fazer uma assinatura no site, o internauta pode escrever um e-mail e anexar diversos arquivos (fotos, documentos, vídeos), que serão enviados para as pessoas de confiança indicadas, caso o site confirme a morte do assinante.

    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.