Pesquisas recentes revelam o desenvolvimento de comportamento anti-social e narcisismo em muitos usuários de redes sociais

Por Guilherme Abati

O uso abusivo de sites de interação social como o Facebook pode causar o desenvolvimento de desordens psicológicas em adolescentes, de acordo com estudo conduzido por Larry Rosen, professor de psicologia da Universidade da Califórnia.

Em apresentação na Annual Convention of the American Psychological Association, de acordo com o site Socyberty publicou suas pesquisas, que usou como base os hábitos de mil adolescentes moradores de grandes cidades, que utilizam constantemente a maior rede social do mundo.

Segundo nota do TG Daily , Rosen notou o aparecimento e o desenvolvimento de narcisismo em adolescentes que usam frequentemente o Facebook. Notou também, em casos de uso abusivo da rede social, a presença de desordens psicológicas, incluindo comportamento anti-social, o surgimento de tendências maníacas e agressivas.

Dores estomacais, problemas de sono, ansiedade e depressão também foram efeitos notados entre os adolescentes pesquisados.

Entretanto, nem todos os sintomas de uso abusivo do Facebook são negativos, de acordo com o levantamento. A pesquisa de Rosen notou o aparecimento da “empatia virtual”, que seria a habilidade em mostrar empatia diante de problemas que são publicados na rede por amigos e conhecidos. Rosen acredita que essa empatia pode afetar positivamente o mundo real e fazer com que adolescentes empatizem e se preocupem mais com problemas e dificuldades alheias.

    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.