Novo produto terá Android 3.2 e deve ser lançado até o final do ano junto com outros 8 smartphones

A ZTE, fabricante chinesa de celulares e tablets, deve lançar seu tablet de 10 polegadas, o “Light”, até o final do ano no mercado brasileiro. O aparelho possui tela sensível ao toque com resolução de 1280 x 800 pixels e processador de 1.2 GHz e foi apresentado pela primeira vez em fevereiro, durante o Mobile World Congress 2011.

ZTE aposta em smartphones e tablets para crescer
Getty Images
ZTE aposta em smartphones e tablets para crescer
A empresa não informou o preço do produto, mas Eliandro Ávila, CEO da ZTE no Brasil, afirmou que o produto chegará antes do Natal ao País. A ZTE lançou seu primeiro tablet, o V9 , no Brasil durante a Futurecom do ano passado. O produto, com tela de 7 polegadas, começou a ser vendido apenas em maio de 2011, com preço de R$ 1.500.

Outro lançamento da ZTE é o smartphone Skate, com sistema operacional Android 2.3 ou Gingerbread, processador de 800 MHz e tela de 4,3 polegadas. O aparelho possui conexão Wi-Fi e Bluetooth e câmera de 5 megapixels. No Brasil, o produto estará disponível no varejo e em todas as operadoras a partir de dezembro. O preço do aparelho, desbloqueado, será de R$ 850.

ZTE cresce no Brasil e no mundo

Segundo Ávila, a ZTE lançará mais oito modelos de smartphones com Android no Brasil até o final do ano. Com isso, a empresa terá anunciado 26 modelos de celulares no País em um ano. Somente nos primeiros seis meses, a ZTE afirma ter vendido 2,5 milhões de unidades de celulares no Brasil. A meta é vender um total de 5,5 milhões de celulares até dezembro. “Isso vai ajudar a ZTE a se manter como a quinta maior fabricante do mundo”, diz Ávila.

Em 2010, a ZTE cresceu 150% no Brasil e a empresa apresenta alto crescimento no mundo todo, inclusive acima da média do mercado de celulares. No último trimestre de 2010, por exemplo, a empresa cresceu o suficiente para subir ao quarto lugar no ranking mundial de fabricantes pela primeira vez, de acordo com a consultoria IDC.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.