Compra de mais de 200 patentes da IBM aconteceu em dezembro e fazem parte de esforço do Google para enfrentar gigantes do setor

Em mais um esforço para se proteger de gigantes de tecnologia como Microsoft e IBM, o Google comprou mais de 200 patentes da IBM no último mês de 2011. As novas patentes, segundo o site Mashable , cobrem uma variedade de tópicos, que incluem desde gestão de e-mails a transferência de aplicativos entre dispositivos. A mais importante delas, porém, diz respeito a uma "usar redes semânticas para desenvolver uma rede social", o que pode significar novos recursos para a rede social Google+ .

Proteger o sistema Android é um dos principais objetivos do Google com a compra de patentes
Getty Images
Proteger o sistema Android é um dos principais objetivos do Google com a compra de patentes
Segundo o Mashable, a patente detalha como uma rede social pode levar os usuários a encontrar especialistas em diversos assuntos. Com a tecnologia, a rede social poderia ajudar os internautas a encontrar um determinado usuário, especializado num tema, de acordo com os interesses informados no cadastro da rede social.

A tentativa de evitar processos contra violação de patentes parece ser o motivo principal da compra das patentes da IBM, empresa que já vendeu 2 mil patentes para o Google durante o ano passado.

Em 2011, o Google enfrentou uma série de processos contra violações de patentes do Android, sistema operacional para celulares, assim como os fabricantes que o adotaram, como HTC , Acer e Samsung . A maioria deles aceitou, por fim, fazer um acordo com a Microsoft para evitar novos processos.

Uma das ações do Google, em 2011, para reduzir os processos de litígio foi a compra da Motorola Mobility em agosto, apontada por Larry Page, CEO do Google, como peça fundamental para manter o Android. "Compramos a Motorola para proteger o Android" , disse Page, na ocasião do anúncio da compra. Com a compra da Motorola, por quase R$ 20 bilhões, o Google incorporou 17 mil patentes ao seu portfólio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.