Novo recurso do Hotmail permite avisar quando amigos são atacados por estelionatários e usados para disseminar pragas virtuais

Por Rodrigo Ghedin,

do WinAjuda.com

Não é coisa de outro mundo receber, por email, mensagens do tipo veja fotos da sua esposa o traindo ou olha as nossas fotos da festa de sábado, de remetentes conhecidos, contendo links para lá de suspeitos.

Em geral, isso acontece quando o remetente está infectado por algum vírus ou cai num truque de engenharia social. Um dos efeitos é, justamente, a tentativa de espalhar a praga para os contatos, justificando o nome vírus dado a essa espécie de malware.

A maioria dos serviços de email possui uma ação que classifica mensagens assim como tentativa de phishing scam. O problema dessa abordagem é que ela coloca num mesmo grupo ações intencionais (de estelionatários) e não intencionais (de amigos infectados/vítimas de golpes). Isso pode ser desastroso para a reputação do seu amigo em servidores de email; dependendo do volume de notificações, o endereço dele pode ficar associado a golpes virtuais e, na pior das hipóteses, pular a caixa de entrada e cair direto nos filtros de lixo eletrônico.

No Hotmail, um novo recurso, enfim, separa as duas coisas. A denúncia Tentativa de phishing continua presente, mas abaixo dela apareceu uma nova, com a descrição Meu amigo foi atacado por um hacker!, com exclamação e tudo ;-)



Ao notificar uma mensagem com essa opção, ela é movida para a pasta de lixo eletrônico e, imagina-se, a Microsoft toma algumas medidas para impedir que outras vítimas em potencial sejam infectadas, seja barrando a mensagem ou mesmo remetendo-a para o lixo eletrônico. Isso tudo sem afetar a reputação do usuário.

Essa é mais uma das novidades do Hotmail, que não faz muito tempo ganhou o recurso de pré-carregamento de mensagens, o que o tornou mais ágil em transições de mensagens/pastas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.