Em abril, a empresa esperava vender 12 milhões de aparelhos

PEQUIM - A chinesa Huawei, segunda maior fabricante de equipamentos de telecomunicações do mundo, pretende vender mais de 20 milhões de smartphones em 2011, disse um executivo nesta quarta-feira, como resultado de uma investida agressiva no setor de equipamentos focados em consumidores.

Siga o iG Tecnologia no Twitter Siga o iG Tecnologia no Twitter

A Huawei disse em abril que esperava vender de 12 milhões a 15 milhões de smartphones, que empregam o sistema operacional do Google, o Android, neste ano. Em 2010, a companhia vendeu 3,3 milhões de aparelhos.

"Tendo em vista as vendas do primeiro semestre, os dados do mercado doméstico podem já ter excedido a previsão anterior. Assim, achamos que o número pode ficar próximo a 20 milhões de unidades globalmente", disse Victor Xu, estrategista-chefe e diretor de marketing da Huawei Device, a jornalistas em um evento da companhia.

A Huawei Device, que contribui com cerca de 17% da receita total de 185 bilhões de iuans (US$ 28 bilhões) da Huawei, é uma divisão do grupo que vende dispositivos como celulares, tablets e chips para o acesso à Internet sem fio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.