Lançado há dois dias, aplicativo para Android já foi baixado mais de 5 mil vezes

Uma empresa americana criou um aplicativo para ajudar os integrantes da manifestação "Ocupe Wall Street" , em que centenas de pessoas acamparam no bairro Zucotti Park, em Nova York, lar da maior parte dos bancos e da Bolsa de Valores de Nova York (EUA). Chamado "I'm getting arrested" (Estou sendo preso, em português), o aplicativo permite avisar amigos, familiares e até o advogado em caso de prisão, via mensagem de texto (SMS).

Aplicativo permite notificar advogado e familiares em caso de prisão ou emergência
Reprodução
Aplicativo permite notificar advogado e familiares em caso de prisão ou emergência
Desenvolvido pela Quadrant 2, o aplicativo chegou ao Android Market , loja de aplicativos do Google, em 17 de outubro e, em apenas dois dias, já foi baixado mais de 5 mil vezes. Ele já ganhou versões nos idiomas catalão, espanhol, francês, alemão, italiano e turco. Além disso, funciona em aparelhos com Android 1.6 ou superior.

O aplicativo desenvolvido para aparelhos com o sistema operacional Android, do Google, permite que o usuário escreva uma mensagem de texto personalizada e pré-configure o envio para quantos números de celulares quiser. Na hora em que o manifestante é preso, basta que ele inicie o aplicativo e pressione a imagem de um alvo durante alguns segundos. A mensagem será enviada aos destinatários instantâneamente.

Apesar da inspiração no movimento, o aplicativo é útil para enviar qualquer tipo de alerta aos familiares ou mesmo para programar o envio de mensagens para os amigos em momentos em que o usuário não tem tempo para escrevê-la na hora. O aplicativo, no entanto, ainda não suporta o envio de mensagens por meio de redes sociais, como Twitter e Facebook.

    Leia tudo sobre: aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.