Fãs do fundador da Apple usaram a rede social para fazer tributo

Madri, 6 out (EFE).- É difícil expressar em 140 caracteres a tristeza deixada pela ausência de um gênio como Steve Jobs, mas os tuiteiros combateram essa limitação de espaço compartilhando fotos, vídeos e artigos em memória do fundador da Apple.

Flores e maçã depositadas na entrada da sede da Apple, na cidade de Cupertino
Reuters
Flores e maçã depositadas na entrada da sede da Apple, na cidade de Cupertino
"iSad", "ThankYouSteve", "Steve Jobs" e "Think different" são apenas alguns dos rótulos usados pelos internautas para aglutinar suas mensagens em forma de homenagem ao criador do iPhone, meio pelo qual muitos deles souberam da notícia de sua morte.

"Até meu Android está triste hoje", "56 anos é pouco tempo para um gênio", "Jamais imaginei me sentiria desolado pela morte de alguém que nunca conheci"... As frases em tom de pesar não pararam de aparecer no Twitter, além de links para um vídeo que mostra o discurso de Jobs na Universidade de Stanford, um apelo ao inconformismo ao qual muitos olham com gratidão.

O luto, para alguns, vai além da morte de Jobs. Um tuiteiro escreveu um trocadilho que foi citado várias vezes na rede: "Thirty years ago, we had Steve Jobs, Johnny Cash and Bob Hope. Today we have no jobs, no cash and no hope" - em tradução livre para o português: "Há 30 anos tínhamos Steve Jobs, Johnny Cash e Bob Hope. Hoje não temos trabalho ("Jobs", em inglês), dinheiro ("Cash"), nem esperança ("Hope").

Os fãs de tecnologia agradecem pelo iPad, os amantes da música exaltam o iPod, e os que não têm grande interesse por estes produtos destacam o caráter filantrópico de Jobs, que investiu parte de seus lucros empresariais na luta contra a malária, entre outras causas humanitárias.

Desde que a notícia da morte de Jobs se espalhou, vários avatares no Twitter e no Facebook passaram a estampar a maçã-símbolo da companhia que Jobs fundou em 1976 junto com Steve Wozniak.

A internet tornou-se nesta quinta-feira uma espécie de muro das lamentações para milhões de admiradores de Jobs. E, na era digital, o Twitter é o lugar no qual é possível depositar um ramo de flores em forma de mensagem de 140 caráteres.

- Leia todas as notícias sobre a morte de Steve Jobs

- Lojas da Apple ficam de luto após morte do executivo

- Análise: Steve Jobs, o inventor das coisas que você não sabia que precisava

- A Apple sem Steve Jobs: e agora?

- Biógrafo diz ao iG como aprender com as inovações de Steve Jobs

- O mundo lamenta a morte de Steve Jobs

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.