Smartphone chega às lojas dos Estados Unidos em novembro, mas ainda não há previsão de lançamento em outros países

A Motorola anunciou nesta terça-feira (18) uma nova versão do celular Razr, parte da linha da Motorola de celulares ultrafinos, como o antigo V3. O smartphone, que ganhou o nome Droid Razr e roda sistema operacional Android 2.3.5, tem espessura de 7,1 milímetros em sua parte mais fina. Ele custará US$ 300 (R$ 530) - vinculado a plano de dados da operadora norte-americana - e chegará às lojas em novembro. Ainda não há previsão de lançamento para outros países.

Repaginada, linha ultrafina da Motorola está de volta com Droid Razr
Divulgação
Repaginada, linha ultrafina da Motorola está de volta com Droid Razr
A nova versão do Razr conta com processador de 1,2 GHz com dois núcleos, 1 GB de memória RAM, 32 GB de memória - sendo 16 GB interna e 16 GB em cartão microSD. O aparelho também vem com câmera frontal que permite videoconferência em HD, câmera traseira  que fotografa com resolução de 8 megapixels e filma em full HD (1080p), além de tela sensível ao toque Super AMOLED de 4,3 polegadas. 

O Droid Razr possui 7,1 milímetros de espessura e pesa 127 gramas. Ele conta também com uma saída HDMI, conexões Wi-Fi e Bluetooth, além de suporte a redes de telefonia celular de quarta geração, também conhecidas como 4G ou LTE.

Netflix e backup em nuvem

Os usuários do Droid Razr que também são assinantes do Netflix nos EUA, serviço de vídeo sob demanda, poderão assistir filmes em alta definição por meio de streaming. Segundo a Motorola, a bateria do Droid Razr suporta cerca de 9 horas de streaming de vídeo contínuo.

Um outros novo recurso da Motorola, que estará disponível no lançamento do Droid Razr, é o MotoCast, um serviço que permite sincronizar arquivos entre o PC e o smartphone, além de manter uma cópia de tudo na nuvem. O serviço é semelhante ao iCloud, serviço de backup em nuvem da Apple, que estreou na semana passada com o lançamento do iOS 5.

A empresa também lançou dois docks em formato de netbook para o Droid Razr, um com tela de 14 polegadas e outro com tela de 10 polegadas. Segundo o site Business Insider, o design do dock é similar ao MacBook Air. Além dos docks, outros acessórios como teclado, fone de ouvido sem fio e suporte para o carro poderão ser comprados à parte.

Motorola Actv terá preço a partir de US$ 250 (R$ 440)
Divulgação
Motorola Actv terá preço a partir de US$ 250 (R$ 440)
Um novo concorrente para o iPod Nano

Além do smartphone, a Motorola também apresentou um tocador de MP3 que também funciona como relógio de pulso, chamado MotoActv. O aparelho possui tela sensível ao toque, pesa 35 gramas e tem 4,6 centímetros de altura e largura. Com fones de ouvido sem fio, conectados via Bluetooh, o MotoActv também conta com GPS e pode ser sincronizado com o MotoCast. A bateria do produto tem autonomia de cinco horas.

O MotoActv será lançado em 6 de novembro nos Estados Unidos e terá duas versões. Com 8 GB de memória terá preço de US$ 250 (R$ 440), já a versão com 16 GB, custará US$ 300 (R$ 528) - quase o preço do novo Droid Razr (preço do aparelho vinculado a contrato com operadora). Segundo a Motorola, o tocador de MP3 chegará à Europa e América Latina no primeiro trimestre de 2012. A empresa não divulgou qual será o preço do produto no Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.