Mozilla lançará loja de aplicativos na semana que vem

Empresa quer estimular desenvolvimento de aplicativos com base em padrão da web, como HTML5

Claudia Tozetto, iG São Paulo |

A Fundação Mozilla, responsável pelo navegador Firefox, anunciou que abrirá sua loja de aplicativos para desenvolvedores na próxima semana, durante o Mobile World Congress, maior congresso da área de mobilidade que será realizado em Barcelona (Espanha). A partir da próxima semana, os desenvolvedores poderão submeter seus aplicativos para a Mozilla, que analisará cada um antes de disponibilizá-los por meio da loja virtual.

LEIA TAMBÉM:
Diretor da Mozilla critica Apple, Google e Facebook em visita ao Brasil
Padrão HTML5 pode ser alternativa para desenvolvedores
Como ganhar dinheiro com aplicativos para iPhone e Android

Divulgação
Além de loja de aplicativos, Mozilla deve mostrar mais detalhes de uma versão do Firefox para dispositivos móveis
"A loja de aplicativos suportará tecnologias web abertas, como HTML5, e permitirá que os desenvolvedores escrevam o aplicativo apenas uma vez para que ele funcione em qualquer plataforma ou dispositivo", disse a Mozilla no comunicado oficial. Os usuários, por outro lado, poderão comprar um aplicativo apenas uma vez e usá-los em todos os dispositivos.

Segundo a Mozilla, entre os aplicativos disponíveis estarão jogos, serviços de música e aplicativos de produtividade. Os internautas poderão começar a comprar aplicativos apenas no final de 2012, quando a loja estiver oficialmente aberta ao público.

Com a nova loja, a Mozilla tenta oferecer uma alternativa para os desenvolvedores, o que pode ajudar a reduzir a distância entre os aplicativos nativos e os chamados "web apps", aplicativos baseados em web. Os desenvolvedores poderão usar tecnologias como HTML5, JavaScript e CSS para criar novos programas. Junto com o lançamento da loja, na semana que vem, a Mozilla disponibilizará a documentação e as interfaces de programação de aplicativos (APIs) para os desenvolvedores.

A loja de aplicativos da Mozilla foi anunciada em março de 2011, logo após o lançamento da Chrome Web Store, loja de aplicativos do navegador do Google. Na época, a Mozilla divulgou um vídeo que mostra alguns detalhes da loja, como a possibilidade de instalar widgets dos aplicativos na área de trabalho do navegador, de modo a não precisar iniciar o aplicativo para consultar atualizações. O recurso, no entanto, pode não estar presente na versão final da loja.

Leia tudo sobre: mozillaloja de aplicativoshtml5desenvolvedoresmwc

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG