Chrome para Android, ainda em testes, pré-carrega páginas de web antes de internauta clicar em links

O Google lançou um aplicativo do navegador Chrome para smartphones e tablets com sistema operacional Android na versão 4.0, última liberada pelo Google. O anúncio, feito pelo brasileiro Hugo Barra, diretor de produto para o Android do Google, foi realizado durante uma das palestras principais do Google no Mobile World Congress 2012, maior evento de tecnologias móveis do mundo, realizado até amanhã (1) em Barcelona (Espanha).

Chrome para Android ganha zoom para páginas de web originalmente desenvolvidas para PCs
Reprodução
Chrome para Android ganha zoom para páginas de web originalmente desenvolvidas para PCs
"Desenhamos o Chrome para Android para ser muito simples e rápido", disse Barra durante a apresentação. O novo aplicativo, que já está disponível para download por meio do Android Market , pré-carrega páginas de web, para que elas abram com mais rapidez.

Funciona assim: ao digitar um termo de busca, por exemplo, o navegador "sabe" que é mais provável que o internauta clique no primeiro link, então ele já carrega a página antes mesmo de o usuário clicar no link.

Ao contrário dos navegadores nativos dos smartphones, o aplicativo do Chrome permite que o internauta abra tantas abas quanto possível no navegador. O navegador Safari para iPhone, por exemplo, só permite que o usuário abra até oito páginas de web ao mesmo tempo. Além disso, o usuário pode navegar pelas abas de forma simples, como se estivesse com uma sequência de cartas na mão. Basta arrastá-las para a direita para excluí-las ou para trocar de aba (quando estiver navegando em uma das páginas).

Outro novo recurso do Chrome para Android é o zoom. Ao navegar na versão web de um site, o usuário geralmente se depara com links muito pequenos, difíceis de clicar e de ler. No novo navegador, o usuário apenas pressiona a página sobre o local que quer ampliar e verá aquela região em tamanho maior, como se estivesse usando uma lupa.

O aplicativo, ainda em sua versão de testes (beta), só está disponível para aparelhos com Android 4.0 (Ice Cream Sandwich) e em sete idiomas, inclusive o português brasileiro. Usuários de outras versões do Android já lançadas, que correspondem a 99% de todos os aparelhos já vendidos até agora, não terão acesso ao navegador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.