Flash 11 terá avanços na execução de gráficos 2D e 3D

iPhone 4 não tem suporte para Flash Player
Getty Images
iPhone 4 não tem suporte para Flash Player
A Adobe lancará no início de outubro o Flash Player 11. Segundo a Cnet , um dos objetivos do anúncio será alertar os programadores web de que o Flash ainda é importante e que a empresa continua investindo nele.

Os maior avanço do Flash 11 estará na área de gráficos. A nova versão terá acesso direto ao processador gráfico (GPU) dos computadores e, com isso, será possível gerar gráficos mais sofisticados e com maior taxa de quadros por segundo. Estes avanços devem ser notados principalmente na área de games criados em Flash. Outra novidade do Flash 11 é o suporte para 64 bits, o que torna o Flash mais compatível com processadores modernos.

O anúncio da Adobe vem em momento desfavorável para o Flash. Atualmente, o Flash está presente em 98% dos navegadores em desktops. Mas na web móvel a posição da empresa é menos confortável. Empresas como Microsoft e Apple vêm diminuindo a importância do Flash em suas plataformas móveis e apostam no HTML5 para criar aplicações interativas a médio e longo prazo.

A Microsoft disse que o navegador Internet Explorer para Windows 8 com interface Metro (especial para tablets) não suportará Flash ou outros plug-ins. Smartphones com Windows Phone e iOS utilizam da linguagem HTML5 em vez do Adobe Flash Player para exibir vídeos. Com a nova versão do Flash Media Server é possível transmitir vídeos em flash para dispositivos com iOS (iPhone, iPad e iPod Touch), mas isso só acontece porque o Flash Media Server converte os vídeos para um formato compatível com os produtos da Apple.

A Adobe, no entanto, tem um aliado forte, o Google. A empresa tem vários projetos em HTML5, mas tem se esforçado para dar suporte ao Flash na plataforma Android. A Adobe projeta alcançar 1 bilhão de smartphones com capacidade de rodar o Flash em 2015.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.