Primeiros óculos universais chegarão ao mercado em 2012 e serão compatíveis com TVs fabricadas a partir de 2011

Padrão para óculos 3D ativos deve chegar em 2012
Getty Images
Padrão para óculos 3D ativos deve chegar em 2012
Por um padrão para óculos 3D ativos, Panasonic, Samsung, Sony e Xpand 3D, anunciaram uma parceria nesta segunda-feira. As fabricantes, que vendem TVs 3D apenas com tecnologia ativa - aquela que exige o uso de óculos com camadas de LCD que abrem e fecham de modo a mostrar o efeito 3D -, pretendem criar um tipo de óculos único que funcione em todas as telas com tecnologia 3D ativas, como TVs e notebooks.

Com o acordo, chamado de "Iniciativa para óculos 3D de alta resolução", as empresas trabalharão juntas para desenvolver e licenciar os protocolos de radiofrequencia necessários para sincronizar a TV com os óculos 3D ativos. O padrão também incluirá tecnologias de infravermelho, inclusive os padrões proprietários desenvolvidos pela Samsung e pela Sony.

As empresas começarão a desenvolver o novo padrão de óculos 3D ativos em setembro, quando a licença para a iniciativa entrará em vigor. As empresas lançarão óculos universais para os produtos com tecnologia 3D ativa no início de 2012 e eles serão compatíveis com as TVs 3D lançadas a partir de 2011.

"A Panasonic vem trabalhando para padronizar as tecnologias de óculos 3D e, em março, já havia anunciado uma licença conjunta dos protocolos de infravermelho com a Xpand. Esperamos que a iniciativa contribua significativamente para a adoção de produtos com a tecnologia 3D", disse Masayuki Kozuka, gerente-geral de pesquisa e desenvolvimento da Panasonic.

De acordo com a consultoria NPD Group, 96% das TVs 3D vendidas nos Estados Unidos na primeira metade de 2011 usam tecnologia ativa. "A tecnologia 3D ativa já se provou a mais popular entre os usuários", disse Jurack Chae, vice-presidente da área de negócios de displays da Samsung.

Apesar disso, o peso dos óculos 3D ativos - que possuem uma camada de LCD nas lentes, além de baterias - e o preço, quase sempre alto, ainda impedem a adoção dos aparelhos com tecnologia 3D pelos usuários. Com o padrão universal para óculos, a expectativa é de que os fabricantes vendam os acessórios por um preço mais baixo, já que compartilharão os custos do desenvolvimento da tecnologia.

Além dessas empresas, outros fabricantes de óculos já tentaram desenvolver óculos 3D ativos universais. O desempenho dos óculos, no entanto, é ruim, já que não são desenvolvidos em conjunto com os fabricantes de TVs. Além da tecnologia 3D ativa, alguns fabricantes optaram por adotar a tecnologia 3D passiva, como a LG , o que permite vender óculos mais leves e mais baratos, os mesmos usados atualmente em cinemas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.