Nova versão manterá partes do sistema em hibernação para tornar boot mais parecido com tablets e smartphones

Windows 8 deve iniciar mais rápido que versões anteriores
Divulgação
Windows 8 deve iniciar mais rápido que versões anteriores
Em mensagem no blog para desenvolvedores, Steven Sinofsky, presidente da divisão de Windows e Windows Live, prometeu que o Windows 8 , nova versão do sistema operacional da Microsoft que funcionará em computadores e tablets, deve terminar o boot em menos de 10 segundos. O boot é o processo de inicialização do sistema operacional que acontece toda vez que o computador é ligado.

"Nós criamos o Windows 8 para que o usuário não precise fazer boot tão frequentemente, mas quando for necessário, o boot deve ser o mais rápido possível", diz Sinofsky no blog oficial da empresa para desenvolvedores. Segundo estudo da Microsoft, 57% dos usuários de desktops com Windows desligam o computador em vez de deixá-lo em estado de hibernação. O mesmo acontece com 45% dos usuários de notebooks.

Segundo a Microsoft, o boot será mais rápido porque, ao contrário do Windows 7, a nova versão do sistema não desligará a base do Windows (kernel), mas a deixará em hibernação. Com isso, tudo o que o sistema precisa fazer durante o boot será inicializar a sessão do usuário. O processo todo, segundo a Microsoft, demorará cerca de oito segundos.

Em um vídeo publicado no blog da Microsoft para desenvolvedores, Emily Wilson, gerente do grupo da plataforma kernel do Windows, demonstra a rapidez do boot do novo sistema. Do momento em que ela pressiona o botão liga/desliga de um notebook da HP até o momento em que a área de trabalho aparece passam cerca de cinco segundos.

Boots abaixo de 10 segundos, como o do Windows 8 e do ChromeOS , sistema operacional do Google, são considerados muito rápidos, já que os sistema operacionais atuais para computadores, como o Windows 7, Linux e MacOS, apresentam inicialização entre 30 segundos e um minuto, dependendo das especificações da máquina.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.