Tamanho do texto

Novo smartphone, o primeiro desenvolvido em conjunto após aquisição da Motorola pelo Google, pode ser personalizado por usuários por meio do site antes da compra

A Motorola anunciou, na manhã desta terça-feira (3), a chegada do smartphone Moto X ao Brasil. O produto já está em pré-venda por meio do site da Motorola com preço de R$ 1.799 na versão de 16 GB de memória interna. Os consumidores que adquirirem o produto terão que esperar o prazo de duas semanas para receber o smartphone, que também estará disponível em lojas de varejo e de operadoras. O aparelho tem como principal diferencial o recurso de customização do por meio do site.

LEIA TAMBÉM:
Moto X, do Google: o novo desafiante do iPhone

Opções de cores para traseira do novo Moto X, que poderão ser compradas em site
Reuters/Lucas Jackson
Opções de cores para traseira do novo Moto X, que poderão ser compradas em site

O Moto X tem formato curvo que se adequa à palma da mão, vem com tela AMOLED de 4,7 polegadas de alta resolução (720p), 2 GB de memória RAM e 16 GB de memória interna (há uma opção disponível na AT&T com 32 GB de memoria). O produto é equipado com processador Snapdragon S4 Pro de 1.7 GHz com dois núcleos e unidade de processamento gráfico (GPU) com quatro núcleos.

Compatível com redes 4G, o smartphone tem câmera que fotografa com resolução de 10 megapixels, além de uma câmera frontal de 2 megapixels. A câmera traseira também filma em full HD (1080p). De acordo com o Google, o Moto X tem autonomia de bateria de 24 horas.

O Moto X chegou ao mercado americano em agosto lançado com o preço de US$ 199 (16GB) e US$ 250 (32 GB). Ele também vem com espaço gratuito de armazenamento no serviço de backup em nuvem Google Drive. O aparelho usa chips Nano SIM e funciona com o sistema operacional Android na versão 4.2.2 ou Jelly Bean.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.