Tamanho do texto

Aplicativo reúne avaliações de mulheres e homens que se cadastraram usando número de telefone, não mais o Facebook

Fora do ar desde 2014 após uma série de polêmicas, o aplicativo Lulu está de volta com várias mudanças no seu funcionamento
Reprodução
Fora do ar desde 2014 após uma série de polêmicas, o aplicativo Lulu está de volta com várias mudanças no seu funcionamento

O aplicativo Lulu está de volta às lojas de aplicativos do Android, a Google Play, e do iOS, sistema operacional de iPhones e iPads, a App Store. Poucas horas depois de sua publicação nas lojas virtuais ainda na segunda-feira (20), o aplicativo já figurava entre os mais baixados da loja de aplicativos da Apple segundo comunicado. O download do app é gratuito.

Antes proibido no Brasil, o app Lulu está de volta com novas funcionalidades que permitem que as mulheres enviem mensagens para os homens, enquanto eles podem finalmente ter acesso a sua avaliação.

Leia também:

App polêmico de avaliação de homens, Lulu retorna ao Brasil com novas funções

A grande diferença desta nova versão é que o perfil do Lulu não é mais conectado ao Facebook. Os usuários, sejam homens ou mulheres, só poderão se cadastrar por meio do número de telefone.

Agora divulgado como um aplicativo que "agrega inteligência aos namoros", o Lulu tem como objetivo "mostrar às garotas caras bacanas e trazer mais responsabilidade às paqueras virtuais". 

No aplicativo, as mulheres podem pesquisar um homem e descobrir o que as outras dizem sobre ele. Além disso, podem avaliar quem quiserem e compartilhar suas experiências com os amigos e ex-ficantes. Os perfis das garotas são privados no Lulu, permitindo que as mulheres flertem com os homens mais bem avaliados sem se identificar. 

Já os homens devem assinar o aplicativo para serem avaliados e também para terem acesso às suas avaliações, às suas notas médias e de categorias como sexo e beijo e às hashtags enviadas pelas mulheres.

Além das conversas privadas, o aplicativo traz um espaço chamado de "Verdade Pura" com segredos compartilhados anonimamente (uma espécie de Secret, outro aplicativo polêmico).