Tamanho do texto

Atualização do sistema operacional da Microsoft é todo feita via o próprio Windows, ou seja, nenhum e-mail é enviado

Nova versão do sistema operacional, Windows 10 foi lançado oficialmente no dia 29 de julho
AP Photo/Jeff Chiu, File
Nova versão do sistema operacional, Windows 10 foi lançado oficialmente no dia 29 de julho

Alguns hackers estão aproveitando a oferta de upgrades gratuitos feita pela Microsoft para seu novo sistema operacional Windows 10. Pesquisadores de segurança alertam sobre uma onda de e-mails de spam falsos com anexos maliciosos, rotulados como se fossem cópias legítimas do novo programa.

LEIA:  Windows 10 já está disponível para atualização e para compra por R$ 329,99

Cinco respostas sobre a chegada do Windows 10 e sua importância 

Os anexos contêm um programa de ransomware, que, quando aberto, bloqueia todos os dados do computador e exige do usuário um pagamento para liberá-los.

Pesquisadores da Cisco Systems dizem que os e-mails são projetados para se parecer com um aviso oficial de atualização da Microsoft, mas que várias palavras aleatórias e problemas de pontuação denuciam sua falsidade.

Outra dica importante: a Microsoft diz que seu mecanismo de atualização fornece os proprietários de computadores um aviso em suas telas quando o download está disponível. Nenhum e-mail é enviado. Especialistas alertam os usuários de que não cliquem em arquivos que vêm anexados em e-mails não solicitados.

FOTOS:  Dell, Positivo e Compaq anunciam computadores já com Windows 10


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.