Tamanho do texto

Objetivo das mudanças na rede social é garantir que as pessoas que estão usando conexões mais lentas consigam navegar pelo Feed de Notícias mais rapidamente

Facebook atualiza Feed de Notícias para garantir uma boa experiência em qualquer conexão
AFP/BBC Brasil
Facebook atualiza Feed de Notícias para garantir uma boa experiência em qualquer conexão

O Facebook anunciou nesta terça-feira (6) que fez algumas atualizações no seu Feed de Notícias. O objetivo das mudanças é garantir que os usuários com conexões mais lentas consigam navegar na rede social com mais rapidez e fluidez. Conforme ressalta o próprio Facebook em seu comunicado, "mesmo em áreas desenvolvidas, há ainda um grande número de conexões 2G". Por isso, a partir de agora, a velocidade da conexão levada será levada em conta peo Facebook na hora de "decidir" o que será mostrado para o usuário em seu Feed de Notícias. 

"Há diferentes fatores que levamos em consideração no Feed de Notícias para garantir que as pessoas vejam as histórias mais relevantes para elas – inclusive a velocidade da conexão nos dispositivos móveis e a conexão wifi. Essas informações nos ajudam a determinar quais histórias mostrar para você no Feed de Notícias", explica o Facebook. Isso quer dizer que a partir de agora, o usuário que está em uma conexão lenta, que dificulta o download de vídeos, verá menos vídeos e mais atualizações de status e links.

Para simplificar a distinção entre as redes, o Facebook desenvolveu a biblioteca de código aberto chamada Classe de Conexão de Rede, que é uma forma da rede social de determinar quão rápida está a conexão. "Com as atualizações recentes, podemos preparar mais histórias e fotos enquanto você vê algo no Feed de Notícias com uma conexão lenta, garantindo que as histórias estejam sempre disponíveis quando você continuar navegando. Assim, se você estiver lendo um post de um amigo seu sobre o fim de semana, mas está em uma conexão lenta, vamos carregar histórias enquanto você lê.

As mudanças também afetam a prioridade das histórias que serão carregadas. Se o usuário estiver em uma conexão ruim e seu Feed de Notícias demorar para carregar, o Facebook vai primeiro fazer o download da história que o usuário estiver lendo, ao invés de fazer o download de uma série de histórias. O Facebook exemplifica: "se você está olhando uma foto que seu amigo postou ou uma foto de uma página que você curtiu e o download ainda não está completo, vamos priorizar essa foto no lugar da próxima história que você ainda nem está vendo, para que você veja as fotos que te interessam, naquele momento, o mais rápido possível".

O Facebook também está migrando para melhores formatos para carregar uma foto. Recentemente, a rede social passou a usar o Progressive JPEG, que permite ao site mostrar versões em baixa qualidade enquanto o download está em andamento, além de minimizar o montante de dados requeridos para carregar uma foto.

E para solucionar a ausência de atualizações em caso de conexão congestionada ou com uma qualidade ruim, o Facebook mostrará histórias que tinham sido carregadas em uma visita anterior. Dessa forma, quando o usuário sair do Feed de Notícias e depois voltar com uma conexão ruim, o site vai mostrar histórias que tinham sido baixadas anteriormente, até conseguir se conectar novamente a uma rede.

O Facebook alerta que essas modificações têm como objetivo não deixar usuário sem história nenhuma, e que ainda que carregue histórias da visita anterior no Feed de Notícias, não irá recarregar as histórias que o usuário já viu, então, não são gastos mais dados. Por outro lado, se algo mudou nessa história – como o número de comentários ou likes, ou o post foi deletado – a rede social vai atualizar esse post para caso o usuário o veja novamente.

    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.