Tamanho do texto

Processo foi aberto pela Universidade de Wisconsin, nos EUA

Apple deve pagar milhões por patente
Emily Canto Nunes/iG
Apple deve pagar milhões por patente

A multinacional Apple foi condenada a pagar US$ 234 milhões por ter violado uma patente sobre tecnologias integradas da Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos.

O julgamento começou na semana passada e ficou estabelecido que a Apple infringiu essa propriedade intelectual, a qual fala de diferentes formas de melhorar a eficácia de equipamentos eletrônicos.

A denúncia foi apresentada em 2014 e, segundo a qual, as tecnologias estavam integradas "de maneira não autorizada" ao processador A7 do iPhone 5S, do iPadAird e do iPadMini com tela de retina. A Apple tentou comprovar que a patente era inválida, mas o júri rejeitou a defesa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.