Tamanho do texto

Início das vendas da Mi Band está condicionado à liberação do acessório por meio de uma ação de “desbloqueio” no Twitter

O início das vendas da Mi Band, pulseira inteligente da Xiaomi, está próximo de acontecer. A empresa lançou uma ação no Twitter para “desbloquear” as vendas. Funciona assim: todo tweet com a hashtag #CadaTweetConta vai contribuir para "carregar" o sensor de uma Mi Band no site Mi.com . Quando a carga estiver completa, as vendas serão liberadas.

Qualquer um pode participar da “contagem regressiva”: basta incluir a hashtag em seus tweets na rede social. Ao contrário dos demais lançamentos, a venda da Mi Band não será por Evento de Vendas, mas sim venda aberta enquanto durarem os estoques.

Mi Band é pulseira inteligente da Xiaomi vendida por R$ 95 e compatível com Android
Reprodução
Mi Band é pulseira inteligente da Xiaomi vendida por R$ 95 e compatível com Android

A pulseira inteligente da Xiaomi é composta por duas partes: um sensor, feito de alumínio e plástico, e a pulseira, de um elastômero termoplástico resistente e flexível. O conjunto pesa somente 5g e pode ser utilizado o tempo todo, até durante o banho, pois tem certificado IP67 de resistência a poeira e água (até 1m, por 30min).

A Mi Band tem como funções principais contabilizar movimentos na forma de passos e monitorar a qualidade do sono do usuário, mas também desempenha outras funções. Ela pode ser configurada para vibrar ao receber ligações, SMS e notificações de até três aplicativos, além de desbloquear a tela do smartphone funcionar como alarme. Um destaque dessa função é o Alarme Inteligente, que detecta quando a pessoa entra em sono leve cerca de 30 minutos antes do horário de despertar e começa a vibrar para que ela acorde de maneira mais tranquila.

Todas as configurações da Mi Band são feitas pelo aplicativo Mi Fit, que também exibe os gráficos do desempenho do usuário. Ele é gratuito e está disponível para aparelhos Android (a partir de 4.4) e iOS. É preciso que o smartphone tenha Bluetooth 4.0 e não é obrigatório que seja um aparelho da Xiaomi.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.