Optimus 3D permite ver conteúdo em 3D sem óculos especiais

Nos últimos anos, a tecnologia 3D ganhou o cinema, a TV e os videogames portáteis. Com o Optimus 3D, a LG pretende trazer o 3D também para os smartphones. Com preço sugerido de R$ 1.999, o aparelho é um dos celulares mais sofisticados do mercado e compete diretamente com Samsung Galaxy S II , Xperia Play , Motorola Milestone 3 , iPhone 4 e iPhone 4S , que deve chegar ao Brasil até o fim deste ano.

Conteúdo 3D do YouTube é um dos destaques do aparelho
Getty Images
Conteúdo 3D do YouTube é um dos destaques do aparelho
Características físicas

Com tela sensível ao toque de 4,3 polegadas e peso de 169 gramas, o Optimus 3D é um pouco gordinho quando comparado a seus concorrentes mais próximos. Boa parte do peso extra pode ser atribuída aos componentes necessários para a tecnologia 3D, como as duas câmeras traseiras de 5 megapixels cada (o aparelho tem também uma câmera para videoconferências de 1,3 megapixel). O corpo gordinho do aparelho não incomoda, mas pode desagradar usuários que valorizam o design.

A parte da frente do aparelho não tem nenhum botão físico. A tela de 4,3 polegadas ocupa praticamente toda a superfície e traz, na parte inferior, quatro teclas comuns em celulares Android: tecla de contexto (aciona funções do aplicativo aberto na tela), Home, voltar e busca.

Nas laterais ficam botão de volume, botão dos recursos 3D, porta USB e saída HDMI. Esta última permite enviar para TVs 3D os vídeos em três dimensões gravados no aparelho (o Optimus 3D vem com cabo HDMI). O botão liga/desliga fica no alto do aparelho, próximo à entrada para fone de ouvido.

Na parte traseira ficam as duas câmeras de 5 megapixels, o flash de LED e alto-falantes. O acabamento do aparelho é sóbrio e de boa qualidade, com bordas arrendondadas e um material plástico preto fosco na parte traseira.

3D

A maior curiosidade em relação ao aparelho é se a tecnologia 3D funciona mesmo. Nos testes do iG , foi possível constatar que o 3D funciona de forma convincente. Mas a qualidade da imagem depende muito do tipo de conteúdo, do ângulo de visão e da iluminação local.

Optimus 3D tem duas câmeras traseiras para capturar imagens em 3D
Getty Images
Optimus 3D tem duas câmeras traseiras para capturar imagens em 3D
O Optimus 3D usa o método conhecido como efeito paralaxe para gerar a sensação do 3D. Este método, similar ao usado no videogame portátil Nintendo 3DS, dispensa o uso de óculos especiais.

O lado bom desse método é que ninguém precisa pagar mico usando óculos 3D em locais públicos. O lado ruim é que, para perceber o 3D, é necessário segurar o aparelho em uma posição fixa e qualquer leve movimento já e suficiente para deixar a imagem borrada.

Um botão na lateral do aparelho ativa um menu com todos os recursos 3D. Por meio desse menu é possível assistir ao canal de vídeos 3D do YouTube, ver fotos em vídeos em 3D guardados no aparelho, acionar a câmera e jogar games em 3D.

O Optimus 3D tem ainda um botão que exibe vídeos comuns em 3D. Na prática, esse botão distorce o vídeo para criar a ilusão de profundidade. É possível notar a mudança para o 3D, mas o efeito é bastante sutil e não se compara a vídeos criados nativamente em 3D.

Sistema

O Optimus 3D chega ao mercado com a versão 2.2.2 (Froyo) do Android. É uma desvantagem em relação a alguns de seus concorrentes, que já têm a versão 2.3. Mas a LG afirma que uma atualização para a versão mais nova deve estar disponível até dezembro. Nos testes do iG , o Optimus 3D se mostrou um aparelho rápido. Praticamente não houve engasgos ao usar os programas.

A interface do Optimus 3D não é muito diferente da de outros aparelhos com Android. A tela principal traz um componente de previsão do tempo que ocupa metade da área útil para aplicativos, mas, como em qualquer aparelho com Android, isso pode ser mudado pelo usuário.

LG Optimus 3D suporta os mais de 200 mil aplicativos do Android
Getty Images
LG Optimus 3D suporta os mais de 200 mil aplicativos do Android
Conclusão

Com preço na casa de R$ 2 mil, o Optimus 3D é um aparelho para quem não se importa em gastar muito para ter um smartphone de primeira. Mas seu principal atrativo, o conteúdo 3D, tem apelo limitado. No momento, há pouco conteúdo produzido nativamente em 3D. Além disso, o efeito 3D gerado pelo aparelho é convincente, mas exige mãos de cirurgião e cansa a vista após um determinado tempo.

O lado positivo é que, mesmo sem levar em conta o 3D, o aparelho não decepciona. Ele é rápido, tem tela ampla e com boa sensibilidade e, com a atualização de dezembro, terá acesso a todas as funcionalidades do Android.

Ficha técnica
Aparelho: Optimus 3D
Fabricante: LG
Configuração: processador dual core de 1 GHz, 512 MB de RAM, 8 GB de memória para armazenamento, entrada para cartão microSD, tela capacitiva de 4,3 polegadas, Android 2.2, 3G, Wi-Fi, 2 câmeras traseiras de 5 MP com flash LED, câmera frontal de 1,3 MP
Pontos fortes: tela ampla e com boa sensibilidade, rápido, efeitos 3D são interessantes principalmente em jogos.
Pontos fracos: “gordinho” quando comparado a aparelhos da mesma categoria, falta de conteúdo nativo em 3D limita o uso do recurso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.