Tamanho do texto

Sistema de inteligência artificial venceu três primeiras partidas contra Lee Sedol, um dos mais famosos jogadores de Go

Computador desenvolveu raciocínio praticando movimentos por conta própria
Flickr/Jaro Larnos
Computador desenvolveu raciocínio praticando movimentos por conta própria

O computador com inteligência artificial do Google ganhou o desafio contra um dos melhores jogadores do tradicional jogo de tabuleiro Go. Conhecido como AlphaGo, o sistema do Google venceu três partidas seguidas em uma série de cinco com Lee Sedol, um dos mais famosos jogadores de Go.

A máquina só foi derrotada na quarta partida do desafio, no domingo (13). Mesmo perdendo a última rodada na terça (15), o computador sairá como o vencedor do confronto. De acordo com um tweet de Demis Hassabis , co-fundador da empresa responsável pelo desenvolvimento do sistema, o AlphaGo cometeu um falha na jogada 79, mas só percebeu o erro na jogada 87.

Segundo a Forbes , a vitória do AlphaGo foi uma surpresa negativa para um dos melhores do jogo que pede muita intuição e é muito mais complicado para o computador que jogos como o xadrez. Ao mesmo tempo, já é considerada uma importante etapa para o desenvolvimento de sistemas de inteligência artificial, assim como a vitória do computador da IBM sobre um campeão de xadrez em 1997.

De qualquer forma, a disputa levanta questões sobre a velocidade com que a inteligência artificial chegará ao usuário final. "Muitos especialistas da área pensaram que a inteligência artificial levaria 10 anos para alcançar esta marca", tweetou Elon Musk , fundador da Tesla Motors, fabricante de carros autônomos, logo após a primeira vitória do computador.

O sistema foi criado pela Deep Mind, subsidiária do Google especializada na pesquisa sobre a inteligência artificial. De acordo com a Forbes, os desenvolvedores viram um lado positivo na derrota da última partida. Para eles, será possível corrigir as poucas falhas que o sistema ainda tem.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.