Tamanho do texto

Topo de linha da Lenovo tenta emplacar venda de acessórios para celulares, mas preço pode assustar usuários; módulo de áudio chega por R$ 1.499

Modelo mais barato do Moto Z é vendido por R$ 3.199 e oferece três módulos para o usuário
Divulgação
Modelo mais barato do Moto Z é vendido por R$ 3.199 e oferece três módulos para o usuário

A Lenovo apresentou na quarta-feira (14) a linha de smartphones topo de linha Moto Z. A principal novidade é uma coleção de Moto Snaps, módulos que ajudam a melhorar a qualidade das fotos, do áudio e da bateria do smartphone. A empresa vende os celulares em conjunto com alguns acessórios, que também podem ser comprados separadamente. O objetivo é popularizar o conceito de smartphones modulares.

LEIA MAIS: Lenovo lança Vibe B para atrair quem busca smartphone barato

A série, que conta com dois celulares, oferece o Moto Z como a melhor opção. Com preço inicial de R$ 3.199, o aparelho é vendido com três módulos: o Style Shell, placas que permitem ao usuário personalizar a traseira do smartphone, o offGRID Power Pack, que se prende a parte traseira para oferecer mais 2.220 mAh ao celular, que já possui 2.600 mAh, e um bumper transparente. A Lenovo deve oferecer kits com outras opções de acessórios para os usuários. 

De acordo com a empresa, o celular é fabricado com alumínio usado em aviões militares, que permite apresentar uma espessura de 5,2 mm quando o smartphone não está com módulos conectados. O modelo tem tela AMOLED de 5,5 polegadas, que consegue exibir imagens em Quad HD Amoled (2.560 x 1.440 pixels). A câmera traseira de 13 MP permite filmar e fotografar vídeos em 4K e oferece recursos de estabilização de imagem ótica e foco a laser. A câmera frontal tem 5 MP e flash para melhorar as selfies mesmo em ambientes com pouca luz.

Moto Z Play possui imãs que permitem encaixar os módulos na parte traseira
Divulgação
Moto Z Play possui imãs que permitem encaixar os módulos na parte traseira

O hardware do Moto Z também chama a atenção pelo processador Qualcomm Snapdragon 820 de quatro núcleos e capacidade de 1,8 GHz e os 4 GB de memória RAM. O smartphone ainda tem 64 GB de memória interna e suporte para cartão microSD que pode elevar o armazenamento para 2 TB.

O Moto Z Play é a versão mais barata da linha apresentada pela Lenovo, mas também tem ótimas especificações, superando a outra opção em alguns quesitos. O smartphone tem preço sugerido a partir de R$ 2.199 e oferece ao usuário o Style Shell no modelo básico. A empresa também oferecerá kits com outras opções de módulos. Com corpo de alumínio e traseira em vidro, o celular oferece até 45 horas de uso sem a necessidade de recarregar a bateria, de acordo com a fabricante.

LEIA MAIS: Xperia E5 tem especificações razoáveis, mas preço alto pode afastar usuários

O modelo tem tela Super Amoled de 5,5 polegadas e exibe imagens em Full HD (1.920 x 1.080 pixels). Com ainda mais resolução, a câmera traseira oferece 16 MP, flash de LED e foco a laser. A câmera frontal tem 5 MP e flash para permitir fotos em qualquer momento do dia. O celular tem processador Qualcomm Snapdragon 625 com oito núcleos e capacidade de 2 GHz. Com 3 GB de memória RAM, o Moto Z Play tem 32 GB de armazenamento e suporte para cartão microSD de até 2 TB.

Módulos disponíveis

Além das opções oferecidas nas opções básicos de cada celular, a Lenovo também oferece mais módulos para os celulares. A linha de Moto Snaps conta com o JBL Soundboost, para melhorar a qualidade dos alto-falantes do celular, o projetor Insta-Share, que permite compartilhar apresentações, vídeos e fotos em telas de até 70 polegadas, e a Hasselblad True Zoom, criada para melhorar a experiência do usuário com a câmera, com zoom ótico de dez vezes, flash de xenônio e a possibilidade de tirar fotos no formato RAW.

Assim como o LG G5, que oferece acessórios responsáveis por levar o celular para outro patamar , os smartphones da Motorola pretendem popularizar o conceito de smartphone modular. O que deve impedir esse crescimento é o preço dos acessórios, que chega a R$ 1.499 somente para o projetor ou a caixa de som.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.