Tamanho do texto

Para que seja possível monetizar seus vídeos no Youtube, é preciso seguir alguns critérios impostos pela empresa, como a criação de conteúdo original

Brasil Econômico

Vídeos monetizados no Youtube não podem conter conteúdo impróprio, como nudez ou violência
Pexels
Vídeos monetizados no Youtube não podem conter conteúdo impróprio, como nudez ou violência

Ganhar dinheiro no Youtube  já não é mais algo tão incomum. Atualmente, muitas pessoas conseguem ter uma boa renda a partir da criação de conteúdo para a plataforma de vídeos do Google – e, em alguns casos, depender apenas desta receita para viver. 

+ Pais agora podem bloquear canais e vídeos no Youtube Kids

No entanto, para que seja possível monetizar seus vídeos no Youtube , é preciso seguir alguns critérios impostos pela empresa. Caso eles não sejam respeitados, não haverá a possibildiade de inserir anúncios e nem mesmo receber pagamentos relativos às visualizações dos conteúdos do canal. Ente quais são os requisitos:

1) Conteúdo adequado para anunciantes

Os vídeos publicados no site só poderão receber anúncios caso estejam plenamente adequados. Para isso, eles precisam ser apropriados para todos os públicos – isso inclui tanto o conteúdo do vídeo quanto a miniatura ou até mesmo o título. Caso existam conteúdos que não sejam apropriados para determinadas faixas etárias, eles devem ter caráter cômico ou jornalístico, ou seja, função de entreter ou informar.

São considerados impróprios os conteúdos com conotação sexual, violência, linguagem vulgar, promoção de medicamentos e assuntos polêmicos – o que abrange, por exemplo, guerras, tragédias e conflitos políticos. 

+ Aplicativo de realidade virtual do Youtube é liberado para download

2) Conteúdo original

Também é necessário que o dono do canal crie o seu próprio conteúdo para conseguir ganhar dinheiro – ou que, pelo menos, tenha permissão para usá-lo de forma comercial. Caso o conteúdo seja de outra pessoa e não haja a autorização, o vídeo não será monetizado.

3) Documentação dos direitos

Não basta somente possuir os direitos sobre os conteúdos utilizados nos vídeos do canal. É preciso comprová-los. Caso um conhecido crie um material e permita a utilização em seu canal, por exemplo, será necessário que ele faça uma declaração por escrito, comprovando a permissão de uso. Isso diz respeito tanto aos áudios quanto às imagens.

+ Youtube anuncia suporte para vídeos HDR

4) Temos de serviço

É indispensável que o criador de conteúdo esteja de acordo com os Termos de Serviço do Youtube para que seus vídeos sejam monetizados. Além disso, também é necessário seguir as chamadas diretrizes da comunidade. Caso estas regras não sejam respeitadas, a empresa pode desativar os pagamentos para determinado vídeo ou canal. 

    Leia tudo sobre: Youtube
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.