Tamanho do texto

Aplicativo da empresa consegue identificar quando o cliente retira um produto da prateleira e faz cobrança no cartão cadastrado ao final da compra

Brasil Econômico

A Amazon apresentou a primeira unidade de um supermercado físico em que os clientes podem fazer compras sem necessidade de caixas ou atendentes. O conceito utiliza apenas o aplicativo da empresa para incluir os produtos em um carrinho virtual e descontar o valor do cartão do usuário ao final da compra. A experiência, conhecida como "Just Walk Out" (ou "Apenas saia", em português), visa eliminar a necessidade de filas e simplificar a rotina durante as compras.

+ Foca robô promete ajudar idosos com demência no Reino Unido

Para entrar no supermercado e fazer compras, o cliente precisa abrir o aplicativo Amazon Go . A tecnologia usa recursos parecidos com os usados em carros autônomos, como visão computacional, fusão de sensores e aprendizagem profunda. A experiência ocorre de forma idêntica aos mercados convencionais, mas o cliente precisa somente retirar da prateleira o produto desejado.

Ferramenta da Amazon consegue saber quando os produtos são retirados da prateleira para atualizar lista do cliente
Reprodução
Ferramenta da Amazon consegue saber quando os produtos são retirados da prateleira para atualizar lista do cliente

+ Amazon anuncia expansão de seu serviço de streaming para mais de 200 países

A ferramenta consegue saber quando os produtos são retirados ou colocados novamente na prateleira para atualizar a lista do cliente. A cobrança é feita quando o cliente sai da loja. Segundo a empresa, a ideia surgiu há quatro anos com a seguinte pergunta: "e se pudéssemos criar uma experiência de compras sem fila e sem caixa?"

De acordo com o The Verge, a patente registrada pela Amazon descreve um sistema com câmeras usadas para capturar o caminho percorrido pelos clientes e identificá-los por meio de um código associado às contas pessoais. Segundo o site, o documento também afirma que "microfones podem gravar sons feitos pelo usuário e recursos computacionais podem processar o conteúdo para determinadar a localização do cliente".

+ Befamoux, a nova rede social que vai testar a popularidade das pessoas

Entre os itens oferecidos pelo supermercado, estão produtos para café da manhã, almoço, jantar, além de lanches feitos diariamente por chefs de cozinhas locais. Com 167 metros quadrados, a primeira unidade criada pela Amazon fica na cidade de Seattle, nos Estados Unidos. Atualmente, a loja está disponível apenas para funcionários da empresa realizarem testes. O supermercado deverá ser aberto para o público no início de 2017.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.