Tamanho do texto

Primeiro vídeo do tipo publicado no canal MrGear já registrou mais de 61 milhões de visualizações; antes, recorde do canal era de 10 milhões de views

Canal MrGear destrói celular Galaxy S6 Edge, da Samsung
Reprodução
Canal MrGear destrói celular Galaxy S6 Edge, da Samsung

Um smartphone Samsung Galaxy S6 Edge custa, em média, R$ 1,8 mil. Para o dono do canal do MrGear, no entanto, o valor parece não ser um problema. Afinal, ele tem feito sucesso no YouTube destruindo objetos com uma lâmina incandescente – incluindo um dos celulares da gigante sul-coreana.

+ PlayStation VR recebe suporte para vídeos do YouTube

Para cortar os produtos, o dono do canal do YouTube usa três maçaricos para esquentar a faca e depois utilizá-la na gravação. Além do smartphone, já foram fatiados objetos como latas de refrigerante, isqueiros, bolas de elástico e rolos de papel higiênico. 

Confira o vídeo em que o celular da Samsung é destruído: 



+ Conheça formas alternativas de ganhar dinheiro no YouTube

O sucesso dos vídeos de destruição foi imediato. A primeira publicação do tipo, feita no último dia 18, já alcançou mais de 61 milhões de visualizações. Antes disso, o vídeo mais popular do canal tinha apenas 10 milhões de views, ensinando aos usuários alguns truques para se fazer usando clipes de papel.

O canal MrGear, inclusive, era todo baseado em truques, como "três maneiras de abrir um cadeado" ou "três truques impressionantes com um fusível", por exemplo. Após o primeiro vídeo em que usava a lâmina para cortar objetos, o dono do canal voltou a publicar conteúdos semelhantes aos anteriores, mas não conseguiu repetir o sucesso das publicações em que destroi produtos. 

No caso, foi publicado um vídeo em que eram ensinados três truques simples e divertidos, alcançando somente 3,7 milhões de visualizações. A publicação do dia seguinte, que voltou a mostrar o corte de objetos, já passa dos 24 milhões de views.

+ Saiba como baixar vídeos do YouTube para o computador sem instalar programas

Experimentações

Em uma tentativa de variar a maneira de destruir os objetos, o canal também publicou um vídeo em que a ferramenta esquentada pelos maçaricos não era uma faca, mas sim uma pequena bola metálica, que, posteriormente, era posicionada acima dos produtos para a observação dos resultados. 

Um dos momentos mais empolgantes do vídeo publicado no YouTube mostra a bola metálica sendo posicionada sobre uma barra de sabonete. O objeto começa a girar sozinho até perfurar por completo a produto.

    Leia tudo sobre: YouTube
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.