Tamanho do texto

Aplicativo do YouTube TV deve ser liberado já nos próximos dias para televisões inteligentes e set-top boxes que usam sistema Android TV

ESPN é um dos canais oferecidos no pacote do YouTube TV, que custa US$ 35 por mês
Reprodução
ESPN é um dos canais oferecidos no pacote do YouTube TV, que custa US$ 35 por mês

O YouTube TV ganhou mais opções de dispositivos para reprodução. Agora, o aplicativo que só podia ser conectado em televisores com Chromecast também poderá ser exibido em diversas plataformas de Smart TVs e set-top boxes.

Leia também: Saiba como ouvir músicas no YouTube sem deixar aplicativo aberto

A plataforma do YouTube TV devem ser liberado já nos próximos dias para televisões inteligentes e set-top boxes que utilizam sistema operacional Android TV, além do console Xbox One. Televisores Sony, Samsung e LG, bem como os dispositivos Apple TV e Roku, devem receber a novidade logo em seguida. 

Segundo o diretor de gerenciamento da plataforma de vídeos do Google, Christian Oestlien, o aplicativo foi planejado desde o início para a reprodução em dispositivos móveis. "Quando nós lançamos o serviço, nós o posicionamos como um produto com prioridade para dispositivos móveis. Boa parte disso foi para quebrar a associação com DVRs e set-top box, este hardware na sala de estar que você tem que alugar que acaba ficando obsoleto muito rápido", afirmou o executivo.

Leia também: YouTube Gaming tem mais audiência que Netflix e HBO juntos

Ainda de acordo com as explicações de Oestlien, a empresa tem a intenção de que seus clientes saibam que o aplicativo "é uma TV que vive no seu smartphone, um DVR na nuvem, acima de tudo". Ele disse também que havia muitas pessoas pedindo mais opções nativas para usar o serviço na sala de estar. 

Pagando o valor de US$ 35 por mês, quem contrata o serviço tem o direito de acessar 40 canais de televisão com diferentes tipos de conteúdo. Entre as principais emissoras inclusas no plano, estão, por exemplo, ESPN e Fox. Além disso, é possível encontrar conteúdos especiais como noticiários regionais e transmissões ao vivo de esportes.

Leia também: Para não perder clientes para o YouTube, Amazon trabalha na produção de vídeos

As próximas plataformas a receber o YouTube TV contarão com todos os recursos existentes nas versões voltadas aos dispositivos móveis. Além disso, serão inclusas também algumas funções extras, como guias de programação e páginais que identificam os principais programas em exibição pelas emissoras que fazem parte do aplicativo.

    Leia tudo sobre: YouTube
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.