Tamanho do texto

Todo cuidado é pouco quando o assunto é a tecnologia. Sendo assim, listamos - com ajuda do Proteste - os melhores meios para proteger sua conta

Em tempos de ascensão da tecnologia, é muito importante se previnir para que hackers não usem a internet contra você, invadindo sua privacidade e causando danos.  Mas você pode tomar alguns cuidados simples para manter a sua conta do WhatsApp segura.

Pessoa conectada no WhatsApp
shutterstock
Cuidados para preservar a segurança da sua conta do WhatsApp

Leia também: WhatsApp vai permitir que usuário escolha se quer ser adicionado em grupos

O Proteste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) fez uma lista com o que você deve fazer e o que deve evitar para que ninguém invada o seu  WhatsApp . Separamos as melhores dicas: 

Dica de segurança no WhatsApp #1: cadê a senha? 

O aplicativo oferece uma opção de colocar uma senha com seis digitos. Não deixe de usar esse recurso.

Levando isso em consideração, se um hacker  tentar invadir a conta, vai se deparar com esse código, para poder ter acesso às informações, o que vai dificultar o trabalho dele em acessar seus dados.  

Dica de segurança no WhatsApp #2: nada de transferências em dinheiro

O site Proteste ainda orienta que transferências de dinheiro não sejam feitas. Mesmo que o pedido seja feito por um amigo ou conhecido, desconfie, pode ser que um criminoso tenha invadido a conta da outra pessoa e esteja tentando receber certa quantia.

O site orienta que, nesse caso, é importante o contato por meio de uma ligação telefônica com o contato em questão, para ver se o pedido de transferência está sendo feito por ele mesmo.

Usuário no celular
shutterstock
Links e fotos podem sem a porta de entrada do WhatsApp para os hackers, portanto, cuidado com os cliques

Leia também: Caiu aí? Instagram, Facebook e WhatsApp enfrentam instabilidade em todo o mundo

Dica de segurança no WhatsApp #3: não saia clicando em tudo sem pensar

Um dos meios utilizados para a invasão de uma conta é o envio de fotos, mensagens engraçadas, promoções ou links com informações importantes. Uma vez que o clique é feito, as portas para a invasão do usuário mal intencionado se abrem. Por isso, é importante manter atenção no que é aberto no celular.

Leia também: Atualização do WhatsApp permite colocar figurinhas nas fotos; veja como fazer

Dica de segurança no WhatsAPP #4: não ignore o rastreamento

Fazer o rastreamento do uso do aplicativo implica em saber se ele está sendo utilizado por outra pessoa ao mesmo tempo. Esse rastreio pode ser habilitado por meio dos ajustes, WhatsApp Web e Desktop. A dica é deixar tal função habilitada. 

    Leia tudo sobre: Aplicativo