Olhar Digital

Chega ao fim, no Brasil , a possibilidade do período de 30 dias de teste que a Netflix dava aos novos usuários que não estavam certos quanto à contratação dos serviços da plataforma. De acordo com a empresa, a mudança se trata de uma busca por novas formas de atrair assinantes.

Xiaomi lança trena a laser que pode medir até 40 metros de distância

“Estamos buscando novas formas de atrair novos assinantes e promover nosso serviço no Brasil , oferecendo uma ótima experiência com a Netflix ”, afirmou a plataforma em comunicado oficial.

Netflix arrow-options
Reprodução/Pixabay
Netflix


Agora, quem busca pelo período de teste na central de ajuda da Netflix encontra uma mensagem que diz que “no momento, não oferecemos utilização gratuita no seu país”. O Brasil não é o único a passar pela medida, que começou em dezembro e teve o Reino Unido como o primeiro país a ficar sem os 30 dias grátis.

Estoque do Xiaomi Mi 10 acaba em um minuto na China

Segundo a empresa, a liberação de produções específicas para não-assinantes, como “Irmandade” e “Klaus”, é uma das maneiras pelas quais a empresa visa conquistar novos assinantes. Nos Estados Unidos , por exemplo, a plataforma liberou, gratuitamente, até o dia 9 de março, a comédia-romântica “ Para Todos os Garotos que Já Amei ”.

Por enquanto, outra vantagem oferecida aos assinantes brasileiros é um upgrade temporário no plano: se o usuário optar pelos planos Básico (R$ 21,90/mês) ou Padrão (R$ 32,90/mês), poderá desfrutar dos benefícios do plano Premium (R$ 45,90/mês) durante todo o primeiro mês de assinatura.

    Veja Também

      Mostrar mais