OurMine hackers
Unsplash/Kevin Ku
OurMine é um grupo de hackers que invadem contas sem roubar dados


No último sábado (16), o sistema de envio de notificações do Globoplay foi hackeado pelo grupo conhecido como OurMine , que pediu para que os usuários do serviço de streaming usassem a #GloboHack no Twitter. 

O assunto viralizou na rede social, e a Globo divulgou uma nota informando que nenhuma informação dos usuários tinha sido comprometida. E o motivo é simples: o grupo que realizou o ataque cibernético não o fez com o objetivo de roubar informações e, justamente por isso, o OurMine se considera um grupo de "hackers do bem".

Conhecido por invadir perfis de famosos e ícones da tecnologia, além de sistemas de marcas famosas, o grupo, com sede em Dubai, é denominado como white hat (ou chapéu branco), termo usado para designar hackers que atacam sistemas apenas para mostrar falhas de segurança . Os black hats (ou chapéus pretos) são aqueles invasores com intenções maliciosas, como roubo de dados. Os termos foram inspirados nos filmes de faroeste para mostrar os vilões e os mocinhos da internet. 

Leia também: Globoplay é hackeado e Globo emite nota a assinantes

"Não temos más intenções e apenas nos preocupamos com a segurança e a privacidade de suas contas e rede", diz o grupo em seu site oficial. "Nós hackeamos, avisamos a pessoa para mudar suas senhas e saímos da conta. Não mudamos senhas nem emails", afirmou o OurMine em uma entrevista à CNN, em 2017.

Hackers do bem?

O objetivo das invasões do grupo OurMine , portanto, e demonstrar que um sistema é vulnerável e suscetível a ataques. Mas é claro que os hackers não fazem isso apenas porque são "do bem", mas também porque oferecem serviços de cibersegurança e, por isso, gostam de deixar suas ações bem expostas nas redes sociais dos invadidos. 

Leia também: Hacker alega ter roubado 500 GB de dados da Microsoft

É como se eles dissessem: seu sistema tem um problema, mas nós temos a solução; nos contrate. E dá certo. À CNN, o grupo afirmou que cerca de 85% dos invadidos entram em contato com o OurMine agradecendo e pedindo a proteção de suas contas.

Invadindo os gigantes

A Globoplay está longe de ser o primeiro serviço famoso invadido pelo grupo. Os hackers do OurMine já entraram nas contas de redes sociais de famosos como Mark Zuckerberg , CEO do Facebook, e  Sundar Pichai , CEO do Google. 

Além disso, a conta do Twitter da Netflix e as redes sociais do clube Barcelona já foram invadidas. O sistema do YouTube também já foi alvo do OurMine .

Ainda de acordo com entrevista dada à CNN, os hackers informaram que a dificuldade dos ataques varia bastante. "Algumas contas demoram dias [para serem invadidas]. Algumas não levam nem 60 segundos", disseram.

    Veja Também

      Mostrar mais