Hacker roubaram dados sobre vacina
Unsplash/Kevin Ku
Hacker roubaram dados sobre vacina

Dados sobre vacinas contra a Covid-19 foram roubados por hackers , manipulados e lançados na dark web, de acordo com analistas de segurança cibernética e com a Agência Europeia de Medicamentos (EMA). O objetivo dos criminosos seria gerar desinformação e desconfiança a respeito dos imunizantes. As informações são do Estadão Conteúdo.

Os dados roubados se referem à vacina desenvolvida pela Pfizer em parceria com a BioNTech . As informações foram capturadas em um ataque hacker em 9 de dezembro, antes do imunizante ter seu uso emergencial aprovado pela EMA.

Ao todo, os hackers roubaram cerca de 55 arquivos que continham conversas por e-mail, apresentações de Power Point e outros documentos. Todos eles foram vazados em fóruns na dark web , de acordo com Nicola Bressan, diretor de tecnologia da Yarix Srl do Var Group SpA, uma empresa italiana de segurança cibernética que encontrou os arquivos em fóruns este mês.

"É óbvio que esse tipo de informação, manipulada ou não, tem a intenção de minar a credibilidade da vacina", afirmou Bressan.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários