Google é investigado na UE
Unsplash/Mitchell Luo
Google é investigado na UE

A Comissão Europeia abriu nesta terça-feira (22) uma  investigação antitruste contra o Google . O objetivo é determinar se a publicidade online da empresa distorce a concorrência ao restringir os dados de usuários a outras companhias. As informações são da agência France-Presse.

Recentemente, o Google mudou as regras para o uso de  cookies de terceiros . Em tese, isso melhoraria a privacidade dos usuários mas, na prática, a medida pode fazer com que empresas de publicidade sejam prejudicadas, favorecendo o próprio Google.

Em comunicado, a comissária europeia para a concorrência, Margrethe Vestager, disse que o Google "está presente em todos os níveis da cadeia de publicidade on-line". "Preocupa-nos que o Google tenha tornado mais difícil a atuação de serviços de publicidade concorrentes", continua.

Vestager ainda escreveu que os serviços de publicidade online "são o cerne da forma como o Google e as empresas monetizam seus serviços" na internet , e que a existência de um ambiente equilibrado entre os concorrentes "é essencial para todos".

"A concorrência leal é importante, tanto para que os anunciantes cheguem aos consumidores e para que as publicações vendam seu espaço para os anunciantes, quanto como forma de gerar receita. Também vamos avaliar a política do Google sobre o rastreamento dos usuários para garantir que esteja de acordo com a norma de uma concorrência justa", disse ela. Ainda não foi divulgado até quando as investigações devem prosseguir e que tipo de multa ou sanção pode ser aplicada à gigante de tecnologia .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários