Dados vazados são vendidos na dark web
Unsplash/Markus Spiske
Dados vazados são vendidos na dark web

Cerca de quatro milhões de cartões de crédito foram encontrados à venda na dark web por uma pesquisa da NordVPN, especialista em cibersegurança. Do total, 227 mil eram dados de brasileiros.

O país mais afetado com o vazamento de dados é os Estados Unidos, com mais de 1,5 milhão de cartões expostos, seguido pela Austrália, com quase 420 mil.

"Desde 2014, temos visto um crescimento constante na fraude de cartões de pagamento ao redor do mundo. Decidimos verificar quanto custa um cartão de pagamento na dark web e por que há uma explosão no mercado negro deles", diz Marijus Briedis, CTO da NordVPN.

Na média, o preço para a compra de qualquer cartão é de US$ 9,70, cerca de R$ 54 em conversão direta. Já os cartões brasileiros são vendidos por, em média, US$ 6,54, cerca de R$ 36.

"Os hackers podem ganhar facilmente muito dinheiro com isso. Mesmo que um cartão custe apenas US$ 10 em média, um hacker consegue lucrar US$ 40 milhões ao vender uma única base de dados, como aquela que analisamos", continua Briedis.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários