Novo supercomputador da Meta
Divulgação/Meta
Novo supercomputador da Meta

A Meta anunciou nesta segunda-feira (24) seu novo supercomputador de inteligência artificial (IA), chamado de AI Research SuperCluster (RSC), que será usado para desenvolver o metaverso. A dona do Facebook acredita que ele se tornará o supercomputador de IA mais rápido do mundo quando estiver completamente pronto, o que deve acontecer ainda neste ano.

De acordo com a Meta, o RSC já começou a ser usado por pesquisadores da empresa para treinar sistemas de inteligência artificial com trilhões de parâmetros. Quando pronta, a máquina terá capacidade computacional equivalente a 100 mil computadores comuns.

"O RSC ajudará os pesquisadores de IA da Meta a construir novos e melhores modelos de IA que podem aprender com trilhões de exemplos; trabalhar em centenas de idiomas diferentes; analisar perfeitamente texto, imagens e vídeo juntos; desenvolver novas ferramentas de realidade aumentada; e muito mais", diz a Meta em seu anúncio.

A empresa ainda não anunciou exatamente quais produtos podem ser desenvolvidos com a ajuda da máquina, mas disse que o supercomputador pode ser usado, por exemplo, para criar sistemas de tradução em tempo real. Além disso, as novidades que estarão presentes no metaverso devem ser criadas com a ajuda do RSC.

"O trabalho feito com o RSC abrirá o caminho para a construção de tecnologias para a próxima grande plataforma de computação, o metaverso, onde aplicativos e produtos orientados por IA desempenharão um papel importante", afirmou a empresa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários