Brasília pode ser primeira cidade a receber o 5G
Unsplash/Jenny Ueberberg
Brasília pode ser primeira cidade a receber o 5G

O 5G será liberado nesta quarta-feira (6) no Distrito Federal. A decisão foi tomada em reunião do grupo da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) responsável pela implementação da quinta geração de internet nesta segunda-feira (4).

A votação aconteceu entre membros do Grupo de Acompanhamento da Implantação das Soluções para os Problemas de Interferência na faixa de 3.625 a 3.700 MHz (Gaispi). Além de representantes da Anatel, o Gaispi ainda é composto por membros do Ministério das Comunicações e de todas as empresas vencedoras dos lotes nacionais e regionais da faixa de 3,5 GHz, dos radiodifusores e das exploradoras de satélites.

Durante a reunião, os membros do Gaispi decidiram pela antecipação da liberação do uso das faixas de 3.300 a 3.700 MHz no Distrito Federal, vendidas no ano passado no leilão do 5G.

Com a antecipação, Brasília será a primeira cidade do Brasil a ter acesso à rede 5G. Atualmente, as operadoras oferecem apenas o chamado 5G DSS, que usa a nova tecnologia em faixas de frequência do 4G, não atingindo todo o potencial da quinta geração de internet.

Mais de três mil antenas parabólicas de moradores de Brasília terão que ser trocadas para evitar interferências. Inscritos no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico) receberão a nova antena sem custo.

** Dimítria Coutinho atua cobrindo tecnologia há cinco anos, se dedicando também a assuntos econômicos. Antes de trabalhar no iG, era repórter do Ada, um portal de tecnologia voltado para o público feminino. É jornalista formada pela Universidade de São Paulo com passagem pelo Instituto Politécnico de Lisboa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários