Novo corte na fabricação pode prejudicar vendas do PlayStation 5 (PS5)
Felipe Vinha
Novo corte na fabricação pode prejudicar vendas do PlayStation 5 (PS5)

Não anda fácil para a Sony manter em alta a fabricação de PlayStation 5 ( PS5 )  pelo mundo, ao que parece. De acordo com o Bloomberg , a empresa teria reduzido novamente sua previsão interna de fabricação de novas unidades. Anteriormente o objetivo era ter mais de 16 milhões de consoles fabricados até o final de março de 2022, mas a nova previsão é não passar de 15 milhões.

O suposto corte de previsão parece pequeno, mas pode impactar bastante a venda e a expectativa de sucesso que a Sony buscaria alcançar com seu console. A empresa chegou a mencionar que gostaria de comercializar 14,8 milhões até o final de março de 2022, algo que, segundo o Eurogamer , vai ser difícil de atingir, após esta previsão revisada.

A dificuldade de fabricação do PS5, claro, se dá pelos mesmos motivos anteriores: o impacto da pandemia da COVID-19 na linha de produção e falta de peças para construir os consoles, seus processadores e chips.

Leia Também

A fabricação até continua a acontecer, especialmente agora depois da “retomada” de várias forças de trabalho, com o avanço da vacinação no mundo todo. Ainda assim, as peças supostamente estão chegando à fabricação do PS5 com um certo atraso, o que está impactando nos cronogramas da própria Sony.

PS5 completa um ano

A má notícia vem acompanhada do aniversário de um ano do PS5. O console da Sony foi lançado no final de 2020, em novembro, aproveitando ainda as vendas da Black Friday. O aparelho veio com diversas promessas, especialmente em relação à velocidade de carregamento dos jogos, o que de fato cumpriu. Tudo isso graças ao armazenamento SSD de alta performance.

Outra novidade foi o controle DualSense, com sensores de feedback nos gatilhos, tornando a experiência de jogar ainda mais diferenciada.

Com informações: The Verge .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários