As geladeiras mais econômicas de 2021, segundo o Inmetro (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
As geladeiras mais econômicas em 2021, segundo o Inmetro (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Antes de comprar uma geladeira nova, é importante ficar de olho em alguns parâmetros do Inmetro. A agência faz uma avaliação dessa categoria de produtos para o Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), tendo como objetivo elencar os modelos com melhor eficiência energética, ou seja, aqueles que não vão pesar no bolso do consumidor ao final do mês. Com base nas informações do Inmetro, vou te mostrar as geladeiras mais econômicas em 2021 — todas oferecem a classificação A ou A+++.

Índice

  • Electrolux IF55
  • Panasonic NR-BT42BV1X
  • Panasonic NR-BT51PV3XA
  • Panasonic NR-BT55PV2W
  • Samsung RT6000K
  • Philco PRF411I
  • Philco PRF505TI
  • Philco PRF504I
  • Philco PFR500I
  • Panasonic NR-BB71GVFB
  • Bônus: Miele MasterCool K 2901 Vi
  • Especificações das geladeiras mais econômicas

Electrolux IF55

Electrolux IF55 (Imagem: Divulgação/Electrolux)
Electrolux IF55 (Imagem: Divulgação/Electrolux)

A Electrolux IF55 tem capacidade total de 431 litros, uma boa quantidade para quem deseja guardar mais alimentos. Essa geladeira também entrega alguns recursos interessantes, como painel Blue Touch para controle rápido de temperatura e outras funções, alerta de porta aberta, iluminação em LED e, claro, tecnologia Frost Free. Nesse modelo, o consumo mensal é de 35,3 kWh.

Panasonic NR-BT42BV1X

Panasonic NR-BT42BV1X (Imagem: Divulgação/Panasonic)
Panasonic NR-BT42BV1X (Imagem: Divulgação/Panasonic)

A geladeira Panasonic NR-BT42BV1X chama a atenção por sua construção elegante em aço escovado. Com capacidade total de 387 litros e consumo mensal de 31 kWh, esse modelo também entrega a tecnologia Frost Free, que impede o congelamento e torna a limpeza mais fácil, um painel eletrônico na parte frontal, que serve para controlar a temperatura sem abrir a porta, e prateleiras em vidro temperado para maior resistência.

Panasonic NR-BT51PV3XA

Panasonic NR-BT51PV3X (Imagem: Divulgação/Panasonic)
Panasonic NR-BT51PV3XA (Imagem: Divulgação/Panasonic)

O modelo NR-BT51PV3XA da Panasonic traz um design mais robusto em aço escovado. Além da capacidade total de 435 litros e consumo mensal de 35,4 kWh, essa geladeira também oferece suporte a tecnologia Frost Free, compartimento extra frio para manter os alimentos conservados por mais tempo, painel de controle eletrônico, freezer com fábrica de gelo e prateleiras transparentes em vidro temperado.

Panasonic NR-BT55PV2W

Panasonic NR-BT55PV2W (Imagem: Divulgação/Panasonic)
Panasonic NR-BT55PV2W (Imagem: Divulgação/Panasonic)

A Panasonic NR-BT55PV2W faz parte da mesma linha Econavi do modelo anterior. Isso significa que ela mantém as mesmas características, como painel eletrônico e compartimento extra frio, por exemplo. As principais mudanças ficam por conta da capacidade, que saltou para 483 litros, e a construção em aço branco comum. Devido ao maior espaço de armazenamento, o consumo mensal é de 39 kWh.

Samsung RT6000K

Samsung RT6000K (Imagem: Divulgação/Samsung)
Samsung RT6000K (Imagem: Divulgação/Samsung)

A Samsung RT6000K se diferencia pelos recursos e consumo de energia — 35 kWh (220 V) e 36,2 kWh (127 V) —, já que sua capacidade de 460 litros não é a maior do mercado. Com acabamento externo de aço escovado, esse modelo entrega a tecnologia Digital Inverter, que ajusta a velocidade do compressor para consumir menos energia, e a Twin Cooling Plus, onde os compartimentos têm compressores independentes para evitar que o ar frio e seco do freezer entre em contato com os alimentos da geladeira.

Philco PRF411I

Philco PRF411I (Imagem: Divulgação/Philco)
Philco PRF411I (Imagem: Divulgação/Philco)

Com capacidade de 403 litros, a geladeira Philco PRF411I tem um consumo mensal de 38 kWh (127 V) e 42 kWh (220 V). Esse modelo chama a atenção por suas quatro portas, duas na parte superior e duas na parte inferior, oferecendo mais praticidade aos consumidores. Ele também chega ao mercado com tecnologia Frost Free e Inverter, Iluminação de LED, alarme de porta e um pequeno painel touchscreen com modos de ajuste de temperatura.

Philco PRF505TI

Leia Também

Leia Também

Philco PRF505TI (Imagem: Divulgação/Philco)
Philco PRF505TI (Imagem: Divulgação/Philco)

A geladeira Philco PRF505TI tem uma capacidade total de 467 litros e consumo mensal de 40 kWh. A fabricante inseriu a tecnologia Frost Free, Inverter e a Smart Cooling, que distribui de maneira uniforme a temperatura para conservar os alimentos. Outras características desse modelo incluem: display para controle de funções, iluminação em LED e portas com tratamento anti-corrosão.

Philco PRF504I

Philco PRF504I (Imagem: Divulgação/Philco)
Philco PRF504I (Imagem: Divulgação/Philco)

A Philco PRF504I tem duas portas, capacidade total de 489 litros e acabamento em aço inox. De acordo com a fabricante, ao apostar em um design onde o refrigerador e o freezer estão lado a lado, há um maior aproveitamento do espaço vertical. Esse modelo também traz o sistema de refrigeração Frost Free e Inverter, painel digital para controle de temperatura independente e prateleiras em vidro temperado. O consumo mensal fica em torno de 42,5 kWh (220 V) e 47,5 kWh (127 V).

Philco PFR500I

Philco PFR500I (Imagem: Divulgação/Philco)
Philco PFR500I (Imagem: Divulgação/Philco)

O modelo PFR500I da Philco aposta na ideia de quatro portas para melhor aproveitamento de espaço. Com acabamento em aço escovado e capacidade de 482 litros, essa geladeira é Frost Free, tem a tecnologia Inverter, que evita picos de energia prejudiciais e mantém a temperatura estável, traz um painel digital para controle de funções, alarme de portas abertas e iluminação em LED. O consumo mensal é de 44,5 (127 V) e 46,7 (220 V).

Panasonic NR-BB71GVFB

Panasonic NR-BB71GVFB (Imagem: Divulgação/Panasonic)
Panasonic NR-BB71GVFB (Imagem: Divulgação/Panasonic)

A Panasonic NR-BB71GVFB, com capacidade total de 480 litros e consumo mensal de 40,9 kWh, traz um acabamento elegante na cor preta. A geladeira se destaca devido a tecnologia Smartsense, que através de sensores de abertura de portas, luminosidade e temperatura, monitora o uso para funcionar de acordo com a rotina da casa e economizar energia. O modelo também tem a gaveta Fresh Zone que, segundo a marca, intensifica as vitaminas C e D dos alimentos por meio de luzes especiais.

Bônus: Miele MasterCool K 2901 Vi

Miele MasterCool K 2901 Vi (Imagem: Divulgação/Miele)
Miele MasterCool K 2901 Vi (Imagem: Divulgação/Miele)

A Miele MasterCool K 2901 Vi é para quem tem dinheiro para gastar. Afinal, essa geladeira custa nada menos que R$ 93.399. Por esse preço, ela entrega uma porta que abre pressionando a frente, Wi-Fi para conexão com outros dispositivos inteligentes, visor touchscreen colorido e vários compartimentos, além de outros recursos. O consumo de energia também é extremamente eficiente, somando apenas 23,1 kWh.

Especificações das geladeiras mais econômicas

Modelo Preço Consumo de energia (kWh/mês) Índice de eficiência energética Tensão Capacidade de litros Classificação no padrão 2015 Classificação no padrão 2022
Electrolux IF55 2.949 35,3 46,75% 127 V e 220 V 431 A A+++
Panasonic NR-BT42BV1X R$ 3.299 31 46,55% 127 V e 220 V 387 A A+++
Panasonic NR-BT51PV3XA R$ 3.578 35,4 48,10% 127 V 435 A A+++
Panasonic NR-BT55PV2W R$ 3.699 39 48,15% 127 V e 220 V 483 A A+++
Samsung RT6000K R$ 3.799 35 ou 36,2 44,99% (220 V) ou 46,53% (127) 127 V e 220 V 460 A A+++
Philco PRF411I R$ 5.488 38 ou 42 51,98% (127 V) ou 57,46% (220 V) 127 V e 220 V 403 A A+++
Philco PRF505TI R$ 5.499 40 51,75% 127 V e 220 V 467 A A+++
Philco PRF504I R$ 5.599 40,9
42,5 ou 47,5
54,79% (127 V) ou 49,02% (220 V)
48,52%
127 V e 220 V 489 A A+++
Philco PFR500I R$ 5.561 44,5 ou 46,7 42,58% (127 V) ou 44,69% (220 V) 127 V e 220 V 482 A A+++
Panasonic NR-BB71GVFB R$6.299 40,9 48,52% 127 V e 220 V 480 A A+++

O que é o Programa Brasileiro de Etiquetagem?

O Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) é uma iniciativa do Inmetro para avaliar o desempenho energético de produtos, considerando atributos como a própria eficiência energética, o ruído e outros critérios que podem influenciar na escolha dos consumidores.

Qual a diferença nas notas no padrão 2015 e 2022?

O Inmetro atualizou as notas. A partir de 1 de julho de 2022, as geladeiras mais eficientes serão classificadas em A+++, representando um aumento de eficiência de até 30% em relação ao atual A; A++ indica 20% a menos no consumo e A+ significa uma economia de 10%. Portanto, se o consumidor optar por uma geladeira A+++ de 500 litros, que corresponde a 80% dos modelos disponíveis no mercado nacional, ele pode economizar cerca de 13 kWh por mês.

O que significa o Índice de Eficiência Energética?

O Índice de Eficiência Energética leva em consideração o tamanho da geladeira. Após uma avaliação criteriosa, o Inmetro consegue detectar o quanto ela é eficiente, resultando em uma porcentagem que depende do volume total — quanto maior, mais energia será gasta.

Nota de transparência: os links acima têm código de afiliado. Clicando neles, os preços não mudam, mas o veículo pode ganhar uma comissão.

Com informações: Inmetro .

Colaborou: Felipe Ventura, Everton Favretto e Laura Canal.

As geladeiras mais econômicas em 2021, segundo o Inmetro

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários