Tamanho do texto

Usado por mais de um bilhão de pessoas em todo o mundo, aplicativo de mensagens anunciou não irá oferecer versões para sistemas antigos

Se você usa o WhatsApp, mas não costuma atualizar com frequência o sistema operacional do seu celular, é bom fazer isso logo: em 2017 o aplicativo de mensagens instantâneas vai parar de funcionar em vários sistemas antigos.

+ Como cancelar o envio de fotos e vídeos no WhatsApp

O aplicativo anunciou que quer se dedicar "às plataformas de telefones móveis usadas pela grande maioria das pessoas".

Atualmente, o WhatsApp é usado por mais de um bilhão de pessoas em todo o mundo.

WhatsApp: aplicativo de mensagens instantâneas vai parar de funcionar em vários sistemas antigos até junho de 2017
ALV / Flickr
WhatsApp: aplicativo de mensagens instantâneas vai parar de funcionar em vários sistemas antigos até junho de 2017

Com a chegada do novo ano, porém, deixou de ser compatível com as plataformas Android 2.1, Android 2.2, iPhone 3GS/iOS 6 e Windows Phone 7.

+ 10 anos do iPhone: os recursos que criaram o celular mais inovador da história

Já os sistemas operacionais BlackBerry, BlackBerry 10, Nokia S40 e Nokia Symbian S60 só vão continuar sendo compatíveis com o aplicativo até o dia 30 de junho de 2017.

De olho no futuro

"Estas plataformas foram muito importantes na nossa história, mas já não têm a capacidade necessária para expandir as funções do nosso aplicativo no futuro", explicou o WhatsApp em fevereiro do ano passado, quando fez o primeiro anúncio da mudança.

"Se você tem algum dos celulares com os sistemas citados, sugerimos que compre um modelo Android, iPhone ou Windows Phone mais recente antes que 2016 termine, para que possa continuar usando o WhatsApp", foi a recomendação feita à época.

O aplicativo lembrou que quando surgiu, em 2009, "cerca de 70% dos smartphones vendidos tinham sistemas operacionais do BlackBerry e da Nokia".

+ 2017 marcará o início da era dos robôs?

Mas hoje os sistemas oferecidos por Google, Apple e Microsoft representam 99,5% das vendas do setor.

E a maioria dos sistemas operacionais que vai perder o WhatsApp já não é instalada em novos telefones nem atualizada pelas suas companhias.

    Leia tudo sobre: Aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.