Olhar Digital

Google arrow-options
Unsplash
Grandes empresas se unem para criar compatibilidade entre dispositivos


A Amazon , a Apple , o Google e a Zigbee Alliance anunciaram nesta quarta-feira (18) a criação de um grupo de trabalho para desenvolver e promover a adoção de um novo padrão para aumentar a compatibilidade entre produtos domésticos inteligentes , com a segurança como princípio fundamental do design.

Empresas membros da diretoria da Zigbee Alliance, como IKEA , Legrand, NXP Semiconductors, Resideo, Samsung SmartThings, Schneider Electric, Signify (anteriormente Philips Lighting), Silicon Labs, Somfy e Wulian também farão parte do grupo de trabalho e contribuirão com o projeto.

O objetivo do projeto Connected Home over IP (Lar Conectado sobre IP) é simplificar o desenvolvimento para os fabricantes e aumentar a compatibilidade para os consumidores. Ele baseia-se em uma crença compartilhada de que dispositivos domésticos inteligentes devem ser seguros, confiáveis e fáceis de usar.

Leia também: Teste mostra que é fácil roubar dados via Google Home e Alexa; assista

Com base no protocolo de Internet (IP), o projeto visa permitir a comunicação entre dispositivos domésticos inteligentes, aplicativos móveis e serviços em nuvem e definir um conjunto específico de tecnologias de rede baseadas em IP para certificação de aparelhos.

O grupo de trabalho adotará uma abordagem de código aberto para o desenvolvimento e implementação deste novo padrão. O projeto pretende usar contribuições de tecnologias domésticas inteligentes já testadas no mercado pela Amazon, Apple, Google, Zigbee Alliance e outras. Espera-se que a decisão de alavancar essas tecnologias acelere o desenvolvimento do protocolo e ofereça benefícios aos fabricantes e consumidores mais rapidamente.

Leia também: Busca do Google ganha mudança no algoritmo; aprenda a pesquisar melhor

O projeto visa facilitar para os fabricantes a construção de dispositivos compatíveis com serviços domésticos e de assistentes de voz inteligentes, como Alexa da Amazon , Siri da Apple, Google Assistente e outros. O protocolo planejado complementará as tecnologias existentes e os membros do grupo de trabalho incentivam os fabricantes de dispositivos a continuar inovando usando as tecnologias disponíveis hoje.

De acordo com o grupo, outros fabricantes de dispositivos, de chips e tecnologias para o lar conectado estão convidados a participar e contribuir com o padrão.

    Veja Também

      Mostrar mais