Olhar Digital

Zoom arrow-options
Unsplash/Allie Smith
Aplicativo Zoom estaria enviando dados ao Facebook


Em meio as recomendações de isolamento social , muitas pessoas procuram alternativas para continuar trabalhando remotamente. Uma dessas soluções é o aplicativo de videoconferência Zoom . No entanto, ao que parece, há um grande problema de privacidade no serviço.

De acordo com a Vice , o aplicativo de iPhone  ( iOS ) do Zoom está enviando dados dos utilizadores para o Facebook . O problema é que essa prática ocorre caso os usuários não estejam logadas na rede social ou sequer tenham uma conta. Além disso, o serviço não informa sobre o envio e nem sinaliza que há algum tipo de parceria entre as empresas.

Leia também: Inteligência artificial e segurança: entenda porque dados devem ser protegidos

Toda a vez que o aplicativo é aberto, ele envia à rede social de Mark Zuckerberg dados como modelo do dispositivo, provedor de rede, fuso horário, cidade e um identificador de propaganda para que anunciantes direcionem comerciais de produtos com base no interesse dos usuários. Infelizmente, de acordo à Vice , esse tipo de compartilhamento é bastante comum se os serviços utilizarem o kit de desenvolvimento do Facebook  para implementar novos recursos de utilização.

Em relação à questão, a rede social se defende, e informa que é dever das empresas que utilizarem seu kit de desenvolvimento indicar que os dados estão sendo compartilhados com terceiros, além de fornecer opções para desativar isso. No entanto, o Zoom não segue essas regras.

Pode ser difícil evitar completamente o serviço, justamente pela popularização recente. Por esse motivo, especialistas recomendam que os usuários evitem os aplicativos do serviço, e abram os convites de reunião diretamente no navegador do smartphone ou computador . Isso não evita completamente que dados sejam capturados, mas diminui o que é coletado.

    Leia tudo sobre: Facebook aplicativo

    Veja Também

      Mostrar mais