Olhar Digital

Facebook
shutterstock
Páginas do Facebook poderão cobrar acesso a lives


Com a demanda por transmissões ao vivo crescendo cada vez mais em função da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2), o Facebook anunciou, nesta terça-feira (28), que vai permitir que os autores de lives cobrem para que os espectadores assistam ao conteúdo.

"Para apoiar criadores e pequenas empresas, planejamos adicionar ao 'Páginas' o recurso de acesso a eventos com vídeos ao vivo no Facebook - desde apresentações online a aulas e conferências profissionais", divulgou a plataforma. Nesse caso, Páginas é o local onde usuários podem gerenciar suas páginas comerciais.

Leia também: Facebook anuncia ferramenta de videoconferência no Messenger para até 50 pessoas

Por ora, são poucos os detalhes sobre o novo recurso. O anúncio sobre as transmissões ao vivo monetizadas foi feito junto de outra novidade: o Messenger Rooms , uma ferramenta de videoconferências para até 50 pessoas por tempo ilimitado.

Assim como o Rooms, a cobrança pelas lives ainda não tem uma data estabelecida para começar a funcionar, visto que o Facebook apontou que as ferramentas chegarão aos usuários no decorrer das próximas semanas.

Além disso, a plataforma não especificou se haverá limitações quanto a quem poderá monetizar o conteúdo.

    Leia tudo sobre: Facebook

    Veja Também

      Mostrar mais