Olhar Digital

Da esquerda para a direita: modelo Black Alligator, com couro de crocodilo; modelo Ox, com touro em 3D; e modelo Golden 21, com peça de ouro
Reprodução/Caviar
Da esquerda para a direita: modelo Black Alligator, com couro de crocodilo; modelo Ox, com touro em 3D; e modelo Golden 21, com peça de ouro

A empresa russa Caviar , especializada em artigos de luxo e, mais especificamente, smartphones extravagantes, cravejados de pedras preciosas e itens raros, anunciou uma coleção de celulares baseada no Samsung Galaxy S21 . São ao todo seis modelos, com preços que vão de US$ 5.600 (R$ 30 mil) a US$ 77.230 (R$ 413 mil).

Em termos de recursos e características técnicas, eles são iguais a um Galaxy S21 comum que você pode encontrar nas lojas. O que os diferencia dos “meros mortais” são os materiais nobres com que são decorados, como ouro, titânio, fibra de carbono ou couro de crocodilo.

Você viu?

O carro-chefe da linha é o “ Golden 21 ”, que custa os US$ 77.230 (R$ 413 mil) já mencionados. Baseado no Galaxy S21 Utra, o aparelho tem carcaça de metal recoberto com uma camada de titânio enegrecido, aplicada através do processo de deposição de vapor.

A traseira é recoberta por uma imensa peça de ouro, com o número 21 estilizado gravado a laser. O nome da Caviar, em letras douradas, fica em uma peça decorativa no canto inferior direito, que espelha o formato do módulo da câmera.

“Se você aprecia um estilo luxuoso clássico, este modelo foi criado especialmente para você”, diz a empresa. Apenas uma unidade do Golden 21 será produzida em todo o mundo.

Mesmo os menos abastados ainda podem ostentar: um modelo como o Black Alligator custa US$ 5.600 (R$ 30.000), e tem partes metálicas revestidas por titânio enegrecido, com a traseira em couro de crocodilo na cor preta e detalhes folheados a ouro. Segundo a Caviar, o aparelho “demonstra seu gosto impecável e alto status”. 99 unidades serão produzidas.

Mas o modelo que mais chama a atenção, até mais que o Golden 21, é o Ox. Ele tem na traseira uma cabeça de touro tridimensional em ouro, com um anel, também de ouro, no nariz e dois diamantes encrustados nos olhos.

O modelo é uma referência ao “ano do boi” no calendário chinês, e visa celebrar um animal que é “nobre, sábio, com muita força de vontade e determinação”. O smartphone é “um excelente presente para um homem moderno e autoconfiante, e um talismã que trará boa sorte e prosperidade no novo ano”. O preço? Apenas US$ 20.830, cerca de R$ 116 mil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários