Instagram planeja versão infantil
Unsplash/McKaela Lee
Instagram planeja versão infantil



Após o anúncio que Instagram está desenvolvendo uma versão do aplicativo para crianças menores de 13 anos, com opções de controle parental , pais e responsáveis reagiram com temor e criticaram a proposta.

Em resposta ao anúncio feito pelo Twitter na noite desta quinta-feira (19) por Adam Mosseri, chefe da plataforma de propriedade do Facebook , usuários apontaram que tentativas de assédio, abuso e propagação de conteúdo impróprio terão uma abordagem mais fácil com a versão infantil do aplicativo.

“Não damos coisas às crianças apenas porque elas QUEREM (…) Pare de tentar vender ferramentas perigosas às crianças”, disse uma mãe em resposta ao tweet. “Não damos às crianças ferramentas perigosas para brincar enquanto os adultos ainda não descobriram como torná-las seguras”, argumentou.

Outro usuário afirmou que “não há motivo” para confiar na empresa para “proteger as crianças”. “O Facebook provou repetidamente que não é confiável. Você não pode nem mesmo impedir o abuso acontecendo no Instagram agora”, comentou.

Você viu?

Tanto o Instagram como o Facebook só permitem que pessoas acima de 13 anos criem contas, baseado nas regras de idade estabelecidas pelo Ato de Proteção da Privacidade Online de Crianças ( COPPA , na sigla em inglês), que coloca como obrigatória a autorização dos pais para que dados de menores sejam coletados em plataformas digitais.

No entanto, verificar a idade da pessoa por trás da conta é um desafio que todas as redes sociais enfrentam. Caso o Instagram saiba da presença de crianças nas plataforma, esses perfis precisam ser excluídos, podendo gerar problemas legais para a companhia caso a regra não seja cumprida.

Instagram para crianças

Em meio a preocupações com a dificuldade de manter crianças e pré-adolescentes longe dos perigos das redes sociais, o Instagram anunciou a versão do aplicativo para menores de 13 anos, com opções de controle parental. A informação foi inicialmente dada por uma reportagem do BuzzFeed News .

A notícia foi posteriormente confirmada por Adam Mosseri , no Twitter. “As crianças estão cada vez mais perguntando aos pais se podem usar aplicativos que os ajudem a manter o contato com os amigos. Uma versão do Instagram onde os pais têm controle, como tínhamos com o Messenger Kids, é algo que estamos explorando. Compartilharemos mais no futuro”, escreveu na plataforma.

Além da tentativa de construir um ambiente seguro para ser utilizado por menores de 13 anos, o Instagram vê interesse comercial na versão infantil do app. Mesmo que diversos países tenham leis que limitem a publicidade voltada para o público infantil, inclusive no Brasil , a empresa vê um segmento em potencial desse tipo de propaganda.

Até o momento, não há uma previsão exata de quando o Instaram para crianças vai ser lançado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários