Hacker encontra falha no Instagram
Unsplash/Luke van Zyl
Hacker encontra falha no Instagram

O Facebook recompensou com US$ 30 mil – aproximadamente R$ 150 mil – o pesquisador Mayur Fartade por descobrir e relatar um conjunto de bugs no Instagram . O chamado endpoints (ou 'nó na rede') permitia que os usuários visualizassem conteúdo privado sem seguir de fato a conta, tornando os recursos de privacidade da rede vulneráveis.

Segundo o tabloide ZDNet, foram detectados dois erros na rede que possibilitavam a um invasor acesso a postagens privadas e arquivadas do feed, stories , IGTV e reels . Além do invasor conseguir extrair dados confidenciais sobre uma conta privada sem ser aceito como seguidor, também era possível extrair as páginas do Facebook vinculadas ao Instagram .

Você viu?

O pesquisador, que também relatou a descoberta em seu blog, explicou que o erro funcionava a partir do acesso ao ID de mídia do usuário que, lançado ao terminal GraphQL do Instagram, expunha URLs de exibição e URLs de imagem, bem como todos os registros que deveriam ser privados. Fartade comunicou o erro ao Facebook no dia 16 de abril e o segundo no dia 22 do mesmo mês. Em 29 de abril a empresa corrigiu os bugs de privacidade .

O rapaz, que participa do programa de recompensas da rede social , que permite que usuários ajudem a empresa a encontrar erros nas plataformas, deve receber a quantia ainda em junho. A equipe de segurança do Facebook agradeceu ao jovem pelo relatório com as descobertas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários